We're at war nowA Song of Ice and Fire RPG
The game has begun. Will you win, or will you die?
Últimos assuntos
» Ausências
por The Maiden Sab Abr 29, 2017 3:25 pm

» [RP fechada] Mind Games
por Syndor Qua Mar 22, 2017 10:35 pm

» Pedido de atualização
por Francesca Sweet Sab Mar 18, 2017 8:23 pm

» [RP Fechada | 18+] Tell Me
por Dennis Braund Sab Mar 18, 2017 1:56 am

» [Quest Narrada] A Seita Branca
por Nanien Mormont Qui Mar 16, 2017 11:04 pm

» Avaliação de treinos
por Meena Ter Mar 14, 2017 12:52 pm

» [ Quest Narrada ] - Saquear!
por Dorian Mormont Seg Mar 13, 2017 7:44 pm

» [RP Fechada] Something Else?
por Dorian Mormont Seg Mar 13, 2017 7:32 pm

» Check-in [Fevereiro]
por Hyperion Targaryen Dom Mar 12, 2017 2:55 pm

» [RP FECHADA] Distant past
por Ella Baratheon Sab Mar 11, 2017 1:35 pm

» [RP FECHADA] The deer on ice
por Ella Baratheon Sab Mar 11, 2017 1:25 pm

» [RP Fechada | Flashback] Recovery drink
por Many-Faced God Qui Mar 09, 2017 11:49 am

» [RP Aberta][Flashback] Kung Fu Panda
por Many-Faced God Qui Mar 09, 2017 11:34 am

» [RP FECHADA] Beyond the view
por Many-Faced God Qui Mar 09, 2017 11:22 am

» [Quest Narrada] Human hunting
por Theon Snow Qua Mar 08, 2017 4:22 pm

» Solicitação de Grupos
por Davos Icewood Ter Mar 07, 2017 10:15 pm

» [RP fechada] What do you see?
por Dorian Mormont Seg Mar 06, 2017 11:14 pm

» [Quest Narrada] Hot room
por Narrador Seg Mar 06, 2017 10:52 pm

» [Quest Narrada] Do not succumb
por The Maiden Made of Light Seg Mar 06, 2017 8:55 pm

» [RP Fechada]Flashback - The Bastard Child in the Snow. Pt.2
por Theon Snow Seg Mar 06, 2017 4:23 pm

» [RP Fechada] Crazy Kids
por Elyria Arryn Seg Mar 06, 2017 2:55 am

» [RP FECHADA] Confidence
por Elyria Arryn Seg Mar 06, 2017 1:15 am

» Quest Narrada - O Lugar de um Lorde
por Dorian Mormont Dom Mar 05, 2017 9:11 pm

» [RP fechada] Looking for a Fight
por Nälla Dom Mar 05, 2017 12:19 pm

» [RP Fechada | 18+] Facing the Lioness
por Dennis Braund Sab Mar 04, 2017 5:15 pm

» [RP FECHADA] Primeiros passos
por Arthor Stark Sex Mar 03, 2017 5:01 pm

» [RP fechada +18] Wicked Game
por Dennis Braund Sex Mar 03, 2017 4:33 pm

» [Quest Narrada] Dia da Caça, Dia do Caçador
por R'hllor Sex Mar 03, 2017 3:11 pm

» [Aviso] Pedidos no WOD-Resources
por Narrador Qua Mar 01, 2017 7:35 am

» Pedidos de quest
por R'hllor Ter Fev 28, 2017 11:54 pm

» [RP FECHADA +18] - Into the Lion's Den
por Susanne Glover Ter Fev 28, 2017 5:23 pm

» [RP FECHADA - 18+] Coming back? Are you sure?
por Erin Lannister Ter Fev 28, 2017 5:03 pm

» [RP Aberta] Hunting The Chicken
por Roth Whiteforest Seg Fev 27, 2017 2:25 pm

» [RP Fechada, flashback] You only live once
por Cory Silversun Seg Fev 27, 2017 1:37 am

» [RP fechada | Flashback] Old man, poor man
por Masamune Tsubakein Dom Fev 26, 2017 10:39 am

» [RP FECHADA] I Put a Spell on You
por Quinn Elijah Flowers Dom Fev 26, 2017 6:02 am

» [RP FECHADA] Flashback — running through the fire
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 5:12 pm

» [RP Fechada] Mirror of the Destiny, can you show me...? ~ Flashback
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 4:51 pm

» Premiações [Fevereiro]
por Anole Tallhart Sab Fev 25, 2017 4:16 pm

» [RP Fechada]Flashback - The Bastard Child in the Snow. Pt.1
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 12:20 pm

» [RP ABERTA] Mademoiselle Marchand
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 12:12 pm

» [RP FECHADA] O dever de um Lord #1
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 12:08 pm

» [RP FECHADA] Recomeço
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 11:56 am

» [RP FECHADA - FLASHBACK] forget it
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 11:49 am

» Atualizações Específicas
por Roth Whiteforest Sab Fev 25, 2017 10:57 am

» [RP Fechada] Bring Me Virgins
por Dennis Braund Sab Fev 25, 2017 2:45 am

» [TREINO] Black Warrior
por Alice Targaryen Sex Fev 24, 2017 4:59 pm

» [RP ABERTA] Dance Of The Druids
por Many-Faced God Sex Fev 24, 2017 2:02 pm

» [FP] Hew Tyrell
por Many-Faced God Sex Fev 24, 2017 12:41 pm

» Solicitação de Conquistas
por R'hllor Qui Fev 23, 2017 11:42 pm

» [RP Fechada] The precise attack
por James Lannister Qui Fev 23, 2017 11:03 pm

» [FP] Desmond Targaryen
por Desmond Targaryen I Qua Fev 22, 2017 5:21 pm

» Quest Narrada - Uma transa de matar
por Narrador Qua Fev 22, 2017 1:36 pm

» RP FECHADA - Win or Die
por Drywn Graceford Ter Fev 21, 2017 1:01 am

» [RP Fechada/Flashback] Do not go, my dear
por Alannys Ashford Seg Fev 20, 2017 11:24 pm

» [RP Fechada] The witch and the prostitute
por Layna de Braavos Seg Fev 20, 2017 10:35 pm

» Quest narrada - Uma nova tarefa
por Alaric Umber Seg Fev 20, 2017 10:25 pm

» Quest narrada - O dia de amanhã
por Layna de Braavos Seg Fev 20, 2017 9:42 pm

» Quest Narrada - Onde se separa a menina da mulher
por Dorian Mormont Seg Fev 20, 2017 5:13 pm

» Quest Narrada - Sérios problemas
por Dorian Mormont Seg Fev 20, 2017 5:09 pm

» Moderação de tópicos
por Allenhardt Pyke Seg Fev 20, 2017 2:46 pm

» [RP fechada - Flashback] - The water hears and understands
por Allenhardt Pyke Seg Fev 20, 2017 2:44 pm

» RP Fechada - Mercy
por The Old Gods Seg Fev 20, 2017 2:24 pm

» [RP FECHADA] Reading until dawn
por The Old Gods Seg Fev 20, 2017 1:22 pm

» [Dungeon] Frozen Treasure - Inscrições
por Dorian Mormont Seg Fev 20, 2017 12:01 am

» [RP FECHADA] Um novo homem [+18]
por Elizabeth Tyrell Dom Fev 19, 2017 11:09 pm

» [RP FECHADA] PREFÁCIO — Disturbing nights
por Dorian Mormont Dom Fev 19, 2017 10:40 pm

» [RP Fechada] A Beautiful Day to Walk
por James Lannister Dom Fev 19, 2017 5:20 pm

» [Quest One Post] Careful, child
por The Maiden Made of Light Sab Fev 18, 2017 11:02 pm

» RP fechada - Aquecimento de inverno
por The Old Gods Sab Fev 18, 2017 5:32 pm

» [RP Fechada] Moment Between Sisters
por Leana Targaryen Sab Fev 18, 2017 1:23 pm

» [RP FECHADA] THE BEAST INSIDE
por The Black Goat of Qohor Sab Fev 18, 2017 1:01 pm

» [RP Fechada] As Sombras Erguem-se
por Narrador Sex Fev 17, 2017 7:54 pm

» [RP Fechada - Flashback] Try Again
por The Old Gods Sex Fev 17, 2017 6:58 pm

» [RP Fechada/flashback] The golden age
por The Old Gods Sex Fev 17, 2017 6:46 pm

» [RP Fechada - Flashback] Only policy
por The Old Gods Sex Fev 17, 2017 6:22 pm

» [FP] Ambrose, Garth.
por The Maiden Made of Light Sex Fev 17, 2017 3:32 am

» [RP Fechada] House of Memories
por Elyria Arryn Sex Fev 17, 2017 1:27 am

» [Dados] As Sombras Erguem-se
por Narrador Sex Fev 17, 2017 12:35 am

» [RP Fechada] Red lips always lie
por Layna de Braavos Qui Fev 16, 2017 9:53 pm

» [RP Fechada] Ascensão
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 7:36 pm

» [RP Fechada] Jobbery.
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 6:45 pm

» [RP Fechada] Fallin Apart
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 6:41 pm

» [RP Fechada] Bastard... and Mastermind.
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 5:44 pm

» [FP] Lancelyn Wyl (EM CONSTRUÇÂO)
por Lancelyn Qui Fev 16, 2017 5:24 pm

» [RP FECHADA] Snowed woods
por Alaric Umber Qua Fev 15, 2017 11:07 pm

» [Quest Narrada] Murder
por Narrador Qua Fev 15, 2017 10:44 pm

» [RP FECHADA +18] Lose It
por Terry Ashford Qua Fev 15, 2017 10:31 pm

» [RP Flash. +18] — She knows what I think about
por Many-Faced God Qua Fev 15, 2017 8:29 pm

» [Rp Fechada] Oloko
por Eustass Kid Qua Fev 15, 2017 8:17 pm

» [RP Aberta] A Agonia dos Corvos
por Many-Faced God Qua Fev 15, 2017 7:57 pm

» [RP Fechada] Lift Now
por Memphis Greyjoy Qua Fev 15, 2017 4:22 pm

» [RP FECHADA] Girls and knives, good brides
por Drowned God Qua Fev 15, 2017 4:02 pm

» [RP FECHADA] O Conselheiro da Fortaleza De Águas Claras.
por Drowned God Qua Fev 15, 2017 3:49 pm

» Promoção: Convide seus amigos
por James Lannister Qua Fev 15, 2017 11:40 am

» [Quest Narrada] The father's bones
por The Maiden Made of Light Qua Fev 15, 2017 7:12 am

» Quest narrada - Bravo?
por Lorien Hill Qua Fev 15, 2017 6:56 am

» Quest Narrada - Sussurros
por Dorian Mormont Ter Fev 14, 2017 9:23 pm

» [Quest Narrada] O satã
por Dorian Mormont Ter Fev 14, 2017 9:15 pm

" />

[RP Fechada | 18+] Run from Lust

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Dennis Braund em Qui Jul 14, 2016 3:40 pm

Run from Lust
A RP irá começar com o post de Elyria Rivers. Esta é uma RP FECHADA, então conta apenas com a participação de Dennis Braund e Elyria Rivers. Estamos em Porto Real, durante a noite. Algumas nuvens cobrem o céu, cobrindo e revelando a Lua conforme o vento as empurra. A RP é um flashback, passando-se um ano antes do momento atual.
avatar
Imagem : Lamento tanto...
Mensagens : 314
Nome do jogador : Moita
Dragões de ouro : 237
Veados de prata : 70
Estrelas de cobre : 3
Idade : 30
Salário extra : 66%
http://winordie.forumeiros.com/t1197-relacoes-dennis-braund#10004http://winordie.forumeiros.com/t1169-braund-dennishttp://winordie.forumeiros.com/t1178-cronologia-dennis-braundVer perfil do usuário
Homens Pesarosos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Elyria Rivers em Ter Jul 26, 2016 8:18 pm


run from lust
Mais uma noite caíra, a escuridão tomando Porto Real vagarosamente. Naquela noite em particular, o céu era de um azul profundo como Elyria nunca vira nas terras de onde viera, e núvens esfumadas eram varridas pelo vento, cobrindo a luz radiante da Lua em determinados momentos para, pouco após, voltarem a deixar que o astro brilhasse intensamente. Poucas eram as estrelas que se conseguiam destacar naquele céu.

Aquela era a terceira vez em que a ruiva via o Sol pôr-se sobre as águas que banhavam a Capital; a segunda noite em que trabalhava no bordel onde fora recentemente admitida. Ainda desacostumada com a movimentação do estabelecimento e com os modos dos fregueses que procuravam ali o calor da intimidade de uma prostituta habilidosa e prestável, Elyria procurava adaptar-se ao ritmo acelerado com que as coisas funcionavam na cidade, tentando provar que era a melhor do lugar.

Os olhos quase felinos varriam o lugar: mulheres iam de e para todas as direções, umas mais jovens que outras, mas todas trajando vestes o mais reveladoras possível e todas despojadas de qualquer pudor. O estabelecimento não tinha falta de clientela - isso era óbvio ao dar-se conta da quantidade de homens que se embebedavam em vinho e desejo, sendo convidados a acompanharem as damas que os entretiam até um dos aposentos do bordel. A bastarda, por outro lado, encontrava-se desocupada até ao momento em que a sua atenção recaíu sobre um jovem de aparência claramente estrangeira - talvez até essoriana - que acabara de chegar e portava um ar carregado, quase rancoroso. Desde então percebeu que aquele seria um desafio, mas a garota não estava disposta a abdicar do mesmo.

Munindo-se com um sorriso convidativo e toda  persuasão de que se poderia aproveitar, a Rivers avançou em direção ao desconhecido. As vestes daquela noite eram particularmente reveladoras, deixando que os olhos mais curiosos varressem o seu corpo, e era isso que esperava que convencesse o homem a abandonar a pose relutante e recebê-la calorosamente. Aproximando-se o suficiente, pôde contemplar as feições duras mas joviais. Não sabia quem ele era, mas certamente não era alguém de nascimento nobre. Todavia, Elyria não se preocupava com as origens - ou com qualquer outro aspeto acerca do moreno, para esse efeito. Apenas se preocupava com o dinheiro que lhe era prometido de cada vez que disponibilizava os seus serviços.

- Boa noite, meu senhor. Novo por cá? Tem ar disso. - Manteve o sorriso aberto, segurando nas suas mãos de forma a o trazer consigo. Guiou-o até um dos poucos sofás desocupados, empurrando-o suavemente sobre o sofá e sentando-se ao seu lado de forma a manter uma proximidade tentadora para qualquer homem. Em breve, pensou, cumpriria os seus objetivos.






avatar
Imagem :
Mensagens : 59
Nome do jogador : Soph
Dragões de ouro : 77
Veados de prata : 139
Estrelas de cobre : 00
Salário extra : 24%
Ver perfil do usuário
Prostituta

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Dennis Braund em Ter Jul 26, 2016 10:20 pm



Continuava nas Terras da Coroa a procura de mais informações sobre meu alvo. Não estava sendo fácil, entretanto eu jamais desistiria. Havia um contrato a ser cumprido, dragões de ouro a serem pagos pela morte daquele que estava rastreando. Minha honra como Homem Pesaroso também estava em jogo, nunca desistiria de um serviço. Não estava sendo difícil, Porto Real é uma cidade bastante movimentada onde ninguém nota movimentações furtivas.

Não gostava da cidade. Especialmente a noite, é impossível dar dez passos em uma rua comum sem ser abordado por pelo menos uma prostituta. O número de prostíbulos era absurdo e, além disso, a qualidade das mulheres que se vendiam pelas ruas nessa cidade westerosi era muito aquém do esperado. Muitas eram sujas, várias visivelmente não sabiam atrair um homem e apenas conseguiam apenas os que estavam com vontade de fazer sexo com a primeira vagina que aparecesse na sua frente. Eu definitivamente não estava interessado em nenhuma prostituta de Porto Real.

Ainda assim estava tendo que andar naquelas ruas naquela noite. Procurando alguém que pudesse me falar algo que me tivesse valor. Estava há uma hora a caminhar, entrando em um bar ou outro para ver quem estava dentro deles, mas já estava em um horário que os que ali estavam já não tinham mais sobriedade. A conclusão que cheguei me fez suspirar no meio da rua. Teria que ir a um dos prostíbulos. Ali haviam pessoas bêbadas de prazer, mas ainda assim as prostitutas conheciam as pessoas da cidade, alguma delas poderia me dizer algo. A Lua foi coberta por uma das nuvens assim que pensei nisso, mas logo tornou a ficar visível. Era o que teria que ser feito, se quisesse ter algum fruto dessa noite.

Entrei no primeiro que encontrei, olhando ao redor. Muitas mulheres, cada uma com sua roupa e seu modo de agir. Dei um passo para a frente para deixar passar um homem com uma delas para os quartos no segundo andar, suspirando ao ouvir a porta sendo fechada pelo vento atrás de mim, antes de ser aberta novamente por mais um homem que logo se direcionou a uma prostituta e já a levou para um dos quartos. Suspirei. Odiava essa ideia com todas as forças.

Até que então percebi alguém se aproximar e levei a mão a adaga escondida entre minhas vestes, mas logo relaxando a mão e a baixando novamente ao perceber que era uma prostituta apenas. Uma das raras exceções. Não estava suja, tampouco era feia. Mantinha um sorriso com malícia no rosto, os olhos claros olhando para mim enquanto olhava com defesa. Meu olhar percorreu o dela. Usava um vestido de tecidos quase transparentes. Não dava para ver seu corpo quando ele estava arrumado, entretanto conforme ela andava os tecidos se moviam e permitiam ter leves vislumbres de partes do corpo dela antes de cobrirem novamente. Os bicos dos seios eram visíveis pelo tecido leve.

Antes que eu pudesse fazer qualquer coisa, ela já estava na sua frente, falando:

- Boa noite, meu senhor. Novo por cá? Tem ar disso.

O sorriso continuava aberto. Não menti, assentindo ao que ela perguntou, o meu olhar preso no dela. Tinha que olhar um pouco para baixo para olhar em seus olhos. Logo senti-a segurar minhas mãos e, ainda atraído por ela, deixei-a me conduzir até um dos sofás. Sentiu-a empurrá-lo de leve, sentando-se e percebendo a proximidade que manteve quando sentou-se ao seu lado. O meu olhar novamente passou por seu corpo, vendo um pouco mais agora por estar próximo, mas ainda assim menos do que gostaria por causa das várias camadas de tecido.

Essa era uma das que sabiam como atrair um homem. Tinha esquecido completamente o que estava a fazer ali. Mordi o lábio inferior sem perceber enquanto meu olhar estava na forma dos seios que o tecido deixava apenas ter uma ideia. Era uma roupa inteligente. Permitia a ela mexer da forma que quisesse para revelar apenas o que quisesse mostrar, provocando um desejo de querer ver mais. Era exatamente assim que estava naquele momento.


template by: MM's GIRL on Tdn!
avatar
Imagem : Lamento tanto...
Mensagens : 314
Nome do jogador : Moita
Dragões de ouro : 237
Veados de prata : 70
Estrelas de cobre : 3
Idade : 30
Salário extra : 66%
http://winordie.forumeiros.com/t1197-relacoes-dennis-braund#10004http://winordie.forumeiros.com/t1169-braund-dennishttp://winordie.forumeiros.com/t1178-cronologia-dennis-braundVer perfil do usuário
Homens Pesarosos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Elyria Rivers em Qui Jul 28, 2016 7:36 pm


run from lust
Elyria percebeu que a sua abordagem fora bem sucedida quando o olhar do homem se prendeu em si, seguindo cada movimento seu e, principalmente, a forma como os leves tecidos que trajava cobriam e descobriam a pele fina e delicada. As íris esverdeadas do desconhecido refletiam todo o desejo que se apoderava de si, desejo esse que tornava os seus músculos rígidos e tensos, e limitava as suas ações; naquele momento, não restavam dúvidas de que o cliente já tinha caído no seu encanto.

- Então, o que o trouxe a Porto Real? - Inquiriu. Mais do que a curiosidade pura que sentia, aquela era uma parte importante do trabalho de uma prostituta que queria servir bem na capital: conhecer o seu cliente, não só para que lhe possa dar o maior prazer possível, mas também pois informações eram a moeda de troca mais importante na cidade, mais valiosa até que o ouro ou a prata que receberia no fim do ato. Muitas vozes chegavam àquele bordel, umas mais embriagadas que outras, mas todas trazendo canções que eram passadas sob a forma de sussurros - e as paredes estavam repletas de ouvidos atentos a cada boato relevante. Não havia nenhum preço que os homens poderosos não estivessem dispostos a pagar pela canção ideal.

Uma jarra de vinho descansava sobre o tampo da mesa que se encontrava próxima ao sofá, e foi a partir da mesma que a ruiva serviu vinho ao seu senhor, estendendo-lhe o copo convidativamente. Reaproximando-se, Elyria já não se sentou ao lado do homem e sim ao seu colo. As suas pernas encontravam-se uma de cada lado do seu corpo, numa perigosa armadilha que o impedia de se afastar mesmo que quisesse, e posicionara-se de forma a ficar frente a frente consigo. Percebeu o sentimento de ânsia na sua expressão antes mesmo que ele se atrevesse a tomar uma atitude, e foi assim que segurou as mãos calejadas e maiores que as suas, guiando-as até acima da sua cintura, imediatamente abaixo do seu busto. - Para quê ficar a observar se as pode sentir, meu senhor? - A sua voz era suave, mas traiçoeira.

Soltou as suas mãos, levando uma mão até à sua nuca enquanto a outra viajava pelos bíceps bem definidos do moreno, deixando-se ficar sobre o seu ombro. Inclinou a cabeça levemente, prendendo o seu olhar num compasso de espera que precedeu o momento em que aproximou os lábios macios e rosados ao seu ouvido. - Quais são os seus desejos, milord, o que pretende nesta noite tão bela? Quaisquer que sejam as suas espetativas, estou certa de que terá muito mais do que espera. - Depositou um beijo cuidadoso mas provocador sobre a pele do seu pescoço, recuando até à posição inicial. O sorriso quase felino continuava a iluminar a sua expressão, a sensação de poder e controle extravasando em cada atitude que tomava. A noite era apenas uma criança.






avatar
Imagem :
Mensagens : 59
Nome do jogador : Soph
Dragões de ouro : 77
Veados de prata : 139
Estrelas de cobre : 00
Salário extra : 24%
Ver perfil do usuário
Prostituta

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Dennis Braund em Sex Jul 29, 2016 1:41 am



- Então, o que o trouxe a Porto Real?

A pergunta que saiu dos lábios da prostituta me acordaram um pouco para a realidade. Ela estava fazendo exatamente o que eu deveria fazer ali. Descobrir informações. Senti um arrepio subir pela minha espinha ao perceber que se tivesse sido questionado minutos depois, provavelmente responderia algo próximo da verdade. Precisava manter meu controle e não me deixar cair na lábia dela. Não externei esse sentimento em minha expressão. Lembrei-me da história que havia contado a uma caçadora e a respondi, usando um tom de voz casual, para fazê-la achar que não pensava no que falava:

- Sou um bastardo Waters, da família Kettleback. Fui expulso de lá quando tinha 3 anos e desde então arranjo meu jeito de sobreviver... e o destino me trouxe a Porto Real recentemente...

Observei-a afastar-se um pouco para pegar uma jarra de vinho. Tinha que me lembrar de não me deixar embebedar. Bêbados deixam palavras pular da boca, definitivamente não era o que eu queria. Ainda assim, não recusaria o convite da prostituta. O vinho com certeza não seria de boa qualidade, ainda assim era vinho e seria bom tomar um pouco. Peguei o cálice que me estendeu e tomei um gole, vendo-a se aproximar. Muito mais perigosamente. Uma perna de cada lado de meu corpo, sentada em meu colo de frente para mim. O corpo próximo ao meu permitia-me ver um pouco melhor através de seus tecidos, entretanto muito menos do que o quanto desejava.

Tomei um último gole no vinho e deixei a taça em cima de uma mesinha ao lado do sofá, que estava ao alcance do meu braço esticado. O gosto da bebida barata ficara em minha boca, ainda assim não era de todo ruim. Meu olhar volta a recair no corpo da mulher na minha frente. Estava em uma armadilha e cada vez ela fazia eu querer menos sair dali. Meu olhar com certeza transmitia isso. Os mamilos eriçados eram visíveis através dos tecidos, entretanto os seios em si eram apenas volume em sua roupa, que não me permitia vê-los. Minha ânsia era de tocá-los, descobrí-los e tê-los para mim.

A meretriz pareceu perceber isso. Senti-a pegar minhas mãos e começar a conduzí-las. Não resisti ao que fez, deixando que levasse olhando ainda para seus seios, mordendo o lábio inferior quando deixou-as logo abaixo de seu busto, falando com uma voz suave, banhada de malícia:

- Para quê ficar a observar se as pode sentir, meu senhor?

Era um convite ousado da parte dela. Ergueu o olhar aos seus olhos, suspirando ao sentir uma mão em sua nuca e a outra passeando por um de meus braços e terminando em meu ombro. Minhas mãos subiram um pouco, a ponta dos dedos roçando em seus seios, o olhar dela encontrando o meu, prendendo-o. Até que enfim se aproximou e falou em meu ouvido:

- Quais são os seus desejos, milord, o que pretende nesta noite tão bela? Quaisquer que sejam as suas expectativas, estou certa de que terá muito mais do que espera.

A primeira pergunta me trouxe a realidade novamente. Senti o beijo provocante em meu pescoço, provocando-me um arrepio. Olhei para ela, percebendo o sorriso grande em seu rosto quando se afastou. Sua expressão mostrava que estava gostando de ter-me sob seu controle.

Fora um erro se afastar, um erro ainda maior deixar-me perceber que estava sendo controlado. Isso havia permitido que acordasse do torpor em que ela me afundava. Tirei minhas mãos de onde estavam no corpo dela, colocando-as no sofá. Não acreditava que estava sendo tão facilmente atraído por uma prostituta de Porto Real, essa de fato era diferente da maioria, ainda que tivesse comido um erro. A perda do encanto provavelmente seria perceptível em meu olhar, assim como no que falei logo a seguir, com um tom educado:

- Estar com uma prostituta não faz parte de minhas pretensões. Pretendo apenas tomar alguma bebida e conversar. Com licença, por favor.

Minhas mãos se direcionaram a cintura dela novamente. Entretanto o toque não era malicioso. Segurei e tentei tirá-la de cima de mim. Tinha quase certeza que não deixaria que eu fizesse isso com facilidade. Ainda assim estava tentando afastá-la de mim para levantar. Meus olhos não mais estavam brilhando com o desejo de antes, o olhar que lançava a ela era um pedido que me deixasse sair.

Ter deixado que ela ficasse em meu colo, me cercando com uma perna de cada lado de meu corpo, reduzindo minha mobilidade, havia sido o meu erro. Não sabia o quanto resistiria se a prostituta de fato quisesse faturar alguns veados de prata comigo e se esforçasse para tal. Mesmo assim tentaria.


template by: MM's GIRL on Tdn!
avatar
Imagem : Lamento tanto...
Mensagens : 314
Nome do jogador : Moita
Dragões de ouro : 237
Veados de prata : 70
Estrelas de cobre : 3
Idade : 30
Salário extra : 66%
http://winordie.forumeiros.com/t1197-relacoes-dennis-braund#10004http://winordie.forumeiros.com/t1169-braund-dennishttp://winordie.forumeiros.com/t1178-cronologia-dennis-braundVer perfil do usuário
Homens Pesarosos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Elyria Rivers em Sab Jul 30, 2016 6:34 am


run from lust
Tudo parecia correr bem para a jovem prostituta. Conseguira atrair o rapaz com os seus trejeitos atrevidos e ações que o deixavam sem grande alternativa, observando com um leve traço de diversão enquanto este se entregava lentamente ao prazer. Não tardaria até que se rendesse por completo.

Foi tal a surpresa que a assolou no momento em que foi rejeitada que Elyria não foi nem capaz de reagir, deixando-se ficar inerte enquanto era gentilmente deixada de lado, sentada uma vez mais no sofá. A frustração refletiu-se de imediato na sua expressão: as faces rosadas agora encontravam-se de um forte tom acobreado. A jovem dama nunca fora tratada assim por nenhum dos seus clientes, que sempre caíam na teia que tecia para os apanhar desprevenidos. Tentou disfarçar o estado de espírito que se transformava, indo desde a sedução inquestionável a uma irritação que não era fácil e controlar, atentando às palavras que o cliente proferia. Face àquela situação inusitada a bastarda não sabia ao certo como reagir. Assim, decidiu continuar a fazer o que fazia melhor, e talvez conseguisse voltar a capturá-lo na armadilha que montara.

Deixando que o sorriso felino se voltasse a apoderar dos seus lábios - por mais que, interiormente, rogasse pragas ao rapaz - a Rivers não deu tempo para que o moreno se erguesse, voltando a posicionar-se sobre o seu colo. A postura era a mesma, o sorriso estava ainda mais aberto e o olhar nunca tinha sido tão sugestivo como naquele momento - a ruiva não deixaria aquela oportunidade passar. O brilho nos olhos do garoto já não era o mesmo, mas Elyria sabia que o poderia recuperar, e não acabaria a noite com um serviço negado.

- Mas meu senhor, quem disse que não podemos conversar? Você já tem a bebida, já tem a conversa, e agora pode também ter-me a mim. Verá como sou capaz de fazer cada veado de prata valer a pena. - Retirou delicadamente o copo de vinho das suas mãos, deixando-o sobre a mesinha de apoio. O voltar a centrar as suas atenções no garoto Inclinou levemente a cabeça, olhando-o com uma certa curiosidade. Segurou as mãos calejadas entre as suas, guiando-as até aos seus seios e pressionando sem grande força. O moreno podia até negar, mas Elyria sabia que em tempos ele cobiçara os seios fartos que se encontravam apenas parcialmente ocultos pelos tecidos que trajava; não tinha como não os cobiçar naquele momento. Começou a fazer movimentos subtis com os seus quadris, movendo-os lentamente sobre o colo do rapaz, em direção às suas virilhas. As mãos, por sua vez, voltaram a arranhar suavemente a sua nuca, as unhas cravando-se sem machucar a pele. Voltou a distribuir beijos suaves e persuasivos por toda a extensão do seu pescoço e clavícula, levando, só então, os lábios de volta ao seu ouvido. - Ambos sabemos que você quer, então por que negar?






avatar
Imagem :
Mensagens : 59
Nome do jogador : Soph
Dragões de ouro : 77
Veados de prata : 139
Estrelas de cobre : 00
Salário extra : 24%
Ver perfil do usuário
Prostituta

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Dennis Braund em Dom Jul 31, 2016 2:44 am




Percebi a surpresa na expressão da prostituta assim que falei, que tanto ficou surpreendida que não reagiu ao meu movimento de retirá-la de cima de mim. Seu rosto tomou um tom levemente acobreado, que não sabia se era de raiva ou outro motivo. Possivelmente era, mas não me importava. Comecei a levantar.

Elyria não deixou. Voltou a ficar sobre mim antes que eu pudesse me movimentar. Praguejei mentalmente, ela não desistiria fácil, a deixara ir longe demais para que desistisse, além de estar ameaçando sua honra e ferindo seu ego com a negação. Disputaria comigo, tentaria me convencer. Percebe o sorriso ainda mais aberto, o olhar ainda mais sugestivo, o que consegue arrancar de mim um suspiro como reação positiva.

- Mas meu senhor, quem disse que não podemos conversar? Você já tem a bebida, já tem a conversa, e agora pode também ter-me a mim. Verá como sou capaz de fazer cada veado de prata valer a pena.

Senti-a tirar a taça de minha mão. Queria ter minhas mãos para ela. Não podia evitar o efeito dela sobre mim completamente. Era uma mulher bonita, sentada no meu colo, se oferecendo para mim. Desse modo, eu ainda permitia que ela tomasse suas ações, olhando-a de volta, percebendo que ainda tinha curiosidade em relação a mim. Possivelmente estava tentando entender como eu conseguia resistir a ela.

As mãos dela seguraram as minhas. Sabia que não podia deixá-la me fazer tocá-la, seu corpo era uma perdição certa. Ainda assim não consegui resistir, sentindo quando toquei seus seios, forçado a aplicar uma leve pressão. Soltei um suspiro profundo. O quadril dela se roçando em suas pernas, na direção das virilhas, me faziam desejá-la ali. Gemi baixinho ao sentir as unhas cravando-se em minha nuca, me arranhando de leve, além de me arrepiar com os beijos provocantes em meu pescoço e clavícula, logo após ouvindo o sussurro persuasivo em meu ouvido:

- Ambos sabemos que você quer, então por que negar?

Não conseguia esboçar reação, de fato o que sentia era bom. As mãos nos seios dela, contra minha vontade, apalparam-na, com certo desejo, embora ainda não sendo com muita força. Olhei para ela, o brilho voltando ao meu olhar aos poucos. Mas logo sumiu novamente e parei de apalpar seus seios. Estava tentando me controlar. Não consegui tirar minhas mãos de onde estavam, mas respondi-a, com certa sinceridade:

- Não vim atrás de prostitutas. Vim atrás de informações.

Sabia que assim eu lhe dava uma brecha. Sabendo que eu queria informações, teria mais uma arma para me persuadir, junto com a malícia. Mas era minha intenção. Pensando melhor, esse jogo seria interessante de jogar. Ela queria meus veados de prata. Eu queria as informações que ela pudesse me dar. E queria ela também, ainda que não tivesse admitido isso explicitamente para ela. Ainda com as mãos nos seios da prostituta, terminei de falar:

- Tens um jogo para vencer, prostituta. Meus veados de prata são a aposta. Se conseguir ganhar nele de mim, e me der as informações que desejo, o dobro de veados de prata serão seus.

As cartas estavam na mesa. Forcei-me a tirar as mãos de seus seios e novamente levei as mãos a cintura dela para retirá-la de cima de mim. Esperava tê-la provocado o suficiente com o que eu falei. Não estava mais a rejeitando, estava a desafiando a me vencer em um jogo de sedução, no qual eu jogaria para valer. Minha intenção não era ferir seu ego ou sua honra, era conseguir minhas informações. E já que era uma prostituta muito acima da média westerosi, um pouco de prazer junto viria bem a calhar.


template by: MM's GIRL on Tdn!
avatar
Imagem : Lamento tanto...
Mensagens : 314
Nome do jogador : Moita
Dragões de ouro : 237
Veados de prata : 70
Estrelas de cobre : 3
Idade : 30
Salário extra : 66%
http://winordie.forumeiros.com/t1197-relacoes-dennis-braund#10004http://winordie.forumeiros.com/t1169-braund-dennishttp://winordie.forumeiros.com/t1178-cronologia-dennis-braundVer perfil do usuário
Homens Pesarosos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Elyria Rivers em Ter Ago 09, 2016 6:15 pm


run from lust
Odesejo era patente tanto no olhar como na forma como o corpo do seu cliente reagia. Por mais que tentasse evitar sentir-se assim - e até mesmo aparentar esse sentimento - a forma como os seus músculos se tensionavam sob o corpo da menor, o brilho com que as íris esverdeadas percorriam as suas formas, demorando-se nas curvas visíveis sob os tecidos que a cobriam bem como no busto saliente e bem-formado denunciavam-no. O moreno podia até lutar contra o seu querer, mas o facto era que ele a desejava.

A ausência momentânea de reação foi algo que a ruiva interpretou como sendo um bom fator - conseguira voltar a apanhá-lo com os seus jogos e trapaças. Conseguia sentir o desejo por detrás da forma como o garoto apalpava os seus seios, ainda que o fizesse de uma forma contida, quase tímida. Essa mudança de atitude por parte do mais velho permitiu-lhe atrever-se mais ainda, voltando a lançar-se sobre o seu pescoço, desta vez com mordidas provocadoras em meio aos beijos. Então, foi com uma indignação ainda maior que a jovem sentiu os seus músculos voltarem a tensionar-se, e o olhar perder uma vez mais o brilho que adquirira já por duas vezes. Ainda assim, as mãos mantiveram-se sobre os seus seios, e o homem não voltou a tentar afastá-la - o que era uma vitória, apesar das circunstâncias desfavoráveis.

O moreno - que até então pouco mais era para lá de um cliente comum, e sobre o qual apenas detinha o conhecimento das suas origens bastardas - adiantou-se logo a reiterar a ideia de que não viera até ao bordel no intuito de encontrar conforto no ato sexual descompromissado como a maioria dos fregueses; diferentemente, o seu objetivo era o de angariar todas as informações que a ruiva lhe pudesse dar. A expressão de Elyria alterou-se no momento em que a proposta fora lançada no ar, o olhar malicioso endurecendo levemente à medida que a jovem analisava o mais velho com uma curiosidade comedida, o sorriso depravado mantendo-se, mas de uma forma mais discreta. Certamente que a dama guardava algumas informações relevantes, palavras pronunciadas em meio ao prazer bem como sussurros que haviam ecoado pelas paredes do estabelecimento, mas não eram algo que pudesse ser trocado tão levianamente. Pessoas importantes estavam recorrentemente ligadas a essas informações que circulavam, e não era do seu interesse abrir o jogo para com qualquer um. Precisava de garantias. - E se você ganhar? Não pense que as minhas informações vêm de graça, pois até o meu tempo tem o seu preço.

Mais uma vez, foi retirada de cima do homem ficando sentada ao seu lado no sofá. Encarou-o ainda com o mesmo semblante dos momentos anteriores, o interesse crescendo e expandindo-se à medida que as palavras eram proferidas pelo bastardo, aliciando-a de uma forma que não seria capaz de recusar. - Certo. E em que consiste esse jogo? - Inquiriu, as íris azuis percorrendo-o, as palavras e a postura determinadas. Adorava um bom jogo, e aquele prometia ser deveras interessante.






avatar
Imagem :
Mensagens : 59
Nome do jogador : Soph
Dragões de ouro : 77
Veados de prata : 139
Estrelas de cobre : 00
Salário extra : 24%
Ver perfil do usuário
Prostituta

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Dennis Braund em Qua Ago 10, 2016 1:52 am




O ataque atrevido de Elyria tornara ainda mais difícil para mim afastá-la novamente. Os beijos com mordidas em seu pescoço me arrepiavam, além de seus seios fartos serem muito bons de se tocar, mesmo ainda cobertos pelos tecidos. Denunciava em minhas reações minha atração por ela, ainda que de forma contida, tinha consciência disso.

Ainda assim o fiz, percebendo o olhar malicioso dela endurecendo um pouco. Era evidente que as informações não viriam facilmente, elas eram mais valiosas que o que a prostituta possuía entre as pernas. Analisava-me de uma forma diferente. Revelara-me um cliente incomum, merecia atenção quanto a isso. Ainda assim não havia mostrado a ela o quão diferente eu era, o quanto eu poderia ser uma ameaça, e isso ficou notável com o que disse:

- E se você ganhar? Não pense que as minhas informações vêm de graça, pois até o meu tempo tem o seu preço.

Se eu ganhasse, provavelmente Elyria morreria em minhas mãos. Talvez não hoje, mas em outro dia quando menos esperasse. Não era uma boa resposta, então respondi-lhe:

- Lhe pago pelo seu tempo, além de um adicional por ter jogado comigo... não tão grande quanto se ganhar de mim, claro.

Um sorriso malicioso abriu-se em meus lábios. Sabia o quanto provocava-a de diversas formas. Tinha uma aparência atraente, era um cliente que a pagaria bem, além de já estar atraído, mas que ainda assim conseguia resistir a ela e demonstrar isso. Conquistava-a para que entrasse no meu jogo, me desse as informações e o prazer que eu desejava. Sentada novamente ao meu lado, me encarava com seus olhos azuis, percebendo o interesse crescente, até que enfim disse:

- Certo. E em que consiste esse jogo?

Meu sorriso malicioso abriu ainda mais. A prostituta disputaria comigo. Virei-me um pouco, sentando-se mais de frente para ela, retribuindo o olhar diretamente em seus olhos. Levei uma mão ao seu rosto, acariciando de leve e parando no queixo, de forma que não desviaria o olhar.

- Já estamos jogando-o desde que veio até mim. Um jogo de sedução, onde eu farei tudo o que puder para resistir a você, enquanto você faz tudo ao seu alcance para quebrar minha resistência. Acredite, a única recompensa não será o dinheiro caso consiga. - Ela não sabia do que eu era capaz de fazer. A mão desceu do queixo para o seio novamente, apalpando de leve uma vez mas logo voltando ao queixo. - Não preferiria ir a um local mais privado para jogarmos? Assim teremos mais liberdade...

Passei o indicador em seu lábio inferior, com um sorriso malicioso no rosto. Levantei-me logo após, estendendo a mão para Elyria, permitindo que me conduzisse para um dos cômodos individuais. Esperava que notasse que já era um avanço: havia escolhido-a, não a deixaria para escolher outra das mulheres que ali estavam. Além disso, dava-lhe mais uma vantagem, onde conhecia o quarto para onde iríamos e poderia utilizá-lo da forma como achasse melhor. Era um jogo perdido para mim, afinal não queria vencer, apenas que demorasse a perder.


template by: MM's GIRL on Tdn!
avatar
Imagem : Lamento tanto...
Mensagens : 314
Nome do jogador : Moita
Dragões de ouro : 237
Veados de prata : 70
Estrelas de cobre : 3
Idade : 30
Salário extra : 66%
http://winordie.forumeiros.com/t1197-relacoes-dennis-braund#10004http://winordie.forumeiros.com/t1169-braund-dennishttp://winordie.forumeiros.com/t1178-cronologia-dennis-braundVer perfil do usuário
Homens Pesarosos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Elyria Rivers em Ter Set 13, 2016 6:59 pm


run from lust
As palavras do homem intrigaram-na mais do que estaria disposta a revelar, despertando um senso de perigo ao mesmo tempo em que a aliciavam ainda mais a alinhar naquele jogo aparentemente inofensivo. O sorriso do moreno refletiu-se nos lábios da ruiva mesmo apesar dos pensamentos conturbados que travavam uma batalha entre o bom senso e a confiança que a garota tinha de que aquilo apenas resultaria em ganhos para o seu lado.

O bastardo virou-se no seu assento, ficando de frente para si e encarando-a com as íris esverdeadas. Elyria retribuiu o olhar, ocultando todos os seus pensamentos por detrás da máscara de sedução que cobria o seu rosto. Uma mão alcançou as maçãs do seu rosto, acariciando a pele suave ao de leve com os dedos calejados. Não se ficando por aí, levou a mão ao queixo da meretriz, segurando-o firmemente mas sem machucar. Escutou as condições daquele jogo de manipulação que se tinha iniciado, fazendo questão de manter a expressão sem deixar que falhasse por um instante que fosse.

Não podia deixar de se admirar com a forma como palavras doces, gentis e extremamente cuidadosas eram tudo o que abandonava os lábios do homem, como se até mesmo o sinples movimento de inspirar fosse controlado para se realizar da forma pretendida. Elyria já percebera que este não era propriamente o tipo de pessoa com quem se deveria arriscar - talvez mesmo devesse manter distância do garoto que nada contava mas tudo queria saber - porém agora não tinha volta; uma vez que as condições tinham sido aceites por ambas as partes, não seria ela a romper o acordo ali tratado.

- Tem razão... Julgo que este não é o espaço mais apropriado para realizar algum dos objetivos do nosso jogo. - Proferiu no mesmo momento em que o indicador do praticamente-desconhecido passava pelo seu lábio inferior, deixando que um belo exemplar de sorriso decorasse os lábios cheios. Observou-o levantar-se do sofá em que tinham estado sentados durante todo aquele tempo, levantando-se também antes de aceitar a mão que este lhe estendera, segurando-a com o toque gentil que apenas uma prostituta podia ter.

O caminho não era longo, mas a Rivers fazia questão de aproveitá-lo para iniciar a diversão. Puxou-o suavemente, guiando-o até ao corredor que levava aos aposentos privados de cada prostituta, e deste pelas escadas que levavam ao corredor superior. Atravessou o corredor até meio, parando nesse ponto. Com um sorriso que já não era só sugestivo e, sim, perverso na sua forma a mulher puxou o moreno de forma a que este fosse encostado à parede, deixando-as ficar a apenas meros centímetros de si. Quebrou o contacto visual, afastando lentamente os tecidos que a cobriam até que as alças escorressem pelos ombros sardentos, descobrindo o colo dos seios fartos. Ainda sem retomar o contacto visual Elyria passeou os dedos cuidadosamente pelos seus ombros e peito, desatando a camisa que este trajava de forma a deixar mais do seu pescoço e tronco à vista desarmada da ruiva que, com a cautela que os seus movimentos tinham adquirido, roçou os lábios suavemente pela sua pele, deixando que o calor gentil daquele contacto fosse sentido pelo homem. Voltou a afastar-se apenas o suficiente para separar os lábios da sua pele, inclinando a cabeça de forma a, por fim, encará-lo olhos nos olhos. Então, sem cerimónias, envolveu-o num beijo experiente, um beijo que era parte da teia que a jovem tecia vagarosamente para o apanhar.

Intensificou o beijo até ao ponto em que não conseguia mais obter o oxigénio tão necessário para a sua respiração, envolvendo a língua do moreno uma última vez na sua antes de focar a sua atenção no lábio inferior do cliente, mordiscando-o, provocadora, ao mesmo tempo em que o puxava com os dentes. Findado aquele momento, voltou a afastar-se até ao ponto em que as respirações dos dois colidiam, erguendo o olhar de um azul sem fim para que este voltasse a encontrar as íris de um castanho esverdeado. Então, sorriu.

Desta vez foi a ruiva a estender a mão para segurar a do homem, girando sobre o seu próprio eixo até parar em frente a uma das portas de madeira envernizada. Com a outra mão alcançou a maçaneta, abrindo a porta num singelo movimento antes de a atravessar, trazendo o bastardo Waters consigo. - Então, creio que agora é que o jogo se tornou sério. O que acha? - Sorriu, obscena, voltando a juntar o seu corpo ao do homem.

Habilidade treinada::
Sedução






avatar
Imagem :
Mensagens : 59
Nome do jogador : Soph
Dragões de ouro : 77
Veados de prata : 139
Estrelas de cobre : 00
Salário extra : 24%
Ver perfil do usuário
Prostituta

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Many-Faced God em Qua Set 14, 2016 11:51 am

Avaliação de treino de habilidade

Elyria Rivers

Um ótimo treino, demonstrando um bom uso da habilidade em questão. Não encontrei erros que levassem a descontos.


Critérios de avaliação
+ Conteúdo e Coerência (40/40)
+ Estrutura e Coesão (30/30)
+ Enredo e Criatividade (20/20)
+ Ortografia e Organização (10/10)

Total (100/100)


+ 18% de experiência pelo atributo de inteligência com 7 pontos
- 10% de experiência por ter a habilidade no nível 3

Recompensas
+ 108 pontos de experiência em sedução
Avaliação de treino de habilidade

Elyria Rivers

Mais um bom treino, o post ficou muito bom, prendendo o leitor.


Critérios de avaliação
+ Conteúdo e Coerência (40/40)
+ Estrutura e Coesão (30/30)
+ Enredo e Criatividade (20/20)
+ Ortografia e Organização (10/10)

Total (100/100)


+ 18% de experiência pelo atributo de inteligência com 7 pontos
- 15% de experiência por ter a habilidade no nível 4

Recompensas
+ 103 pontos de experiência em sedução
+ Técnica de habilidade: Atraente (nível 5)
Avaliação de treino de habilidade

Elyria Rivers

Mais um bom treino, é interessante ver o desenvolvimento deste jogo de sedução.


Critérios de avaliação
+ Conteúdo e Coerência (40/40)
+ Estrutura e Coesão (30/30)
+ Enredo e Criatividade (20/20)
+ Ortografia e Organização (10/10)

Total (100/100)


+ 18% de experiência pelo atributo de inteligência com 7 pontos
- 25% de experiência por ter a habilidade no nível 5

Recompensas
+ 93 pontos de experiência em sedução
Avaliação de treino de habilidade

Elyria Rivers

E outro bom treino. Realmente não vejo motivos para descontar, todas as descrições são muito boas, não encontrei erros, além de usar muito bem a sedução. Parabéns!


Critérios de avaliação
+ Conteúdo e Coerência (40/40)
+ Estrutura e Coesão (30/30)
+ Enredo e Criatividade (20/20)
+ Ortografia e Organização (10/10)

Total (100/100)


+ 18% de experiência pelo atributo de inteligência com 7 pontos
- 35% de experiência por ter a habilidade no nível 6

Recompensas
+ 83 pontos de experiência em sedução




avatar
Imagem : Stranger, Stranger...
Mensagens : 819
Nome do jogador : Ross
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Dennis Braund em Ter Out 25, 2016 1:28 am




Podia sentir a prostituta analisando cada palavra que eu proferia, cada ação que eu fazia. Escondia isso atrás de uma camada de sedução com maestria, mas eu estava acostumado a jogar esse tipo de jogo. Podia não transparecer, mas sabia que não era burra e com certeza analisava bem um cliente. Ouvi-a falar quando toquei seu lábio com o indicador:

- Tem razão... Julgo que este não é o espaço mais apropriado para realizar algum dos objetivos do nosso jogo.

Um sorriso apareceu no rosto dela junto com a resposta. Me levantei, estendendo minha mão e a sentindo segurar com delicadeza. Elyria quem teria que me guiar para seu quarto, o que novamente era uma vantagem. Deixei-a me puxar, caminhando sem pressa pelo corredor.

Até que a vi se virar com um sorriso malicioso no rosto. Não resisti quando me puxou com mais força e me fez ficar encostado na parede, distante apenas centímetros dela. Desci o olhar quando começou a afastar os tecidos, afastando as alças de sua roupa. O colo de seus seios ficou então visível. Eram ainda mais fartos do que eu imaginava. Olhando-os com atração, senti-a deslizar os dedos e desatar minha camisa, revelando meu pescoço e parte do meu tronco.

Soltei um suspiro ao sentir o calor de seus lábios em minha pele, me provocando. Voltei a olhar em seus olhos levemente separados quando me encarou. Eram de um azul profundo. Sem aviso prévio, me envolveu em um beijo cheio de experiência, ao qual não pude resistir de maneira alguma. Comecei a retribuí-lo, intensificando junto com ela, deixando extravasar um pouco do desejo que sentia pela prostituta. Westerosi com qualidade comparável a uma dama de companhia de Lys. Apenas controlava minhas mãos para não tocá-la, não entregaria todos os pontos.

Senti-a interromper o beijo quando ficou sem ar, sentindo-a envolver minha língua uma última vez antes de respirar. Ofegante, senti-a direcionar-se ao meu lábio inferior, arrancando um gemido ao mordiscá-lo e puxá-lo com os dentes. Voltei a olhá-la diretamente nos olhos, vendo-a sorrir. Controlei-me e apenas retribui com um leve inclinar do canto dos lábios, em um sorriso de canto.

Segurei sua mão, vendo-a girar e direcionar-me finalmente a uma porta. Abriu-a e me levou para dentro do cômodo, ouvindo o som da madeira ao fechar-se atrás de mim. Antes que eu tivesse tempo de observar o cômodo, a senti colar o corpo no meu. O colo dos seios expostos encostava diretamente em meu peito também exposto por Elyria momentos antes.

- Então, creio que agora é que o jogo se tornou sério. O que acha?

Abri um sorriso malicioso. Precisava contra-atacar, caso contrário se tornaria fácil demais para a prostituta ganhar.

- Está jogando sério? Estou apenas começando, milady...

Provoquei-a com o título e girei-nos sem aviso, empurrando-a contra a porta e segurando suas mãos acima de sua cabeça com minha mão direita, contra a madeira. Mantive meu corpo afastado do seu por uma distância mínima, mostrando que ainda me controlava. Falei, em um sussurro:

- Comece a me contar... sobre esse homem... - Disse em seu ouvido o nome de meu alvo, mordiscando o lóbulo logo após.

Tentaria fazê-la perder um pouco de seu controle também. Afinal assim que o jogo era jogado. Desci meus lábios por seu maxilar até chegar em seu pescoço, beijando-a ali. Com minha mão esquerda, puxei as alças um pouco mais para baixo, terminando de revelar seus seios. Demonstrava meu auto-controle ao não parar o que fazia para olhá-los. Mordisquei a pele antes de descer minha boca até eles. Sem rodeios, meus lábios envolveram um de seus mamilos, começando a chupar enquanto a língua roçava na ponta. A mão livre se deslocou para o outro, friccionando-o entre o indicador e o polegar ao mesmo tempo que com o restante dos dedos apalpava o seio.

Estava tentando a dominar ao lhe dar prazer, entretanto tinha noção que era uma faca de dois gumes. Ao mesmo tempo que a fazia perder o controle, começava eu a perder o meu também, por exemplo ao sentir a fartura de seu busto em minha mão. Sem aviso, parei o que fazia, sorrindo malicioso e soltando-a, dando as costas a ela e olhando o quarto, como se nada tivesse acontecido.

Habilidade Treinada:
+ Sedução


template by: MM's GIRL on Tdn!





avatar
Imagem : Lamento tanto...
Mensagens : 314
Nome do jogador : Moita
Dragões de ouro : 237
Veados de prata : 70
Estrelas de cobre : 3
Idade : 30
Salário extra : 66%
http://winordie.forumeiros.com/t1197-relacoes-dennis-braund#10004http://winordie.forumeiros.com/t1169-braund-dennishttp://winordie.forumeiros.com/t1178-cronologia-dennis-braundVer perfil do usuário
Homens Pesarosos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por The Lady of Spears em Qua Out 26, 2016 3:02 pm

Avaliação de treino de habilidade

Dennis Braund

Ótimo treino! O jogo de palavras foi maravilhoso, transformando a leitura em algo muito divertido. Aplicou a habilidade com maestria aqui. Parabéns!


Critérios de avaliação
+ Conteúdo e Coerência (40/40)
+ Estrutura e Coesão (30/30)
+ Enredo e Criatividade (20/20)
+ Ortografia e Organização (10/10)

Total (100/100)


+ 15% de experiência pelo atributo de inteligência com 6 pontos
- 15% de experiência por ter a habilidade no nível 4

Recompensas
+ 100 pontos de experiência em Sedução

Avaliação de treino de habilidade

Dennis Braund

Outro ótimo treino. A habilidade esteve presente durante todo o seu texto então meus parabéns!


Critérios de avaliação
+ Conteúdo e Coerência (40/40)
+ Estrutura e Coesão (30/30)
+ Enredo e Criatividade (20/20)
+ Ortografia e Organização (10/10)

Total (100/100)


+ 15% de experiência pelo atributo de inteligência com 6 pontos
- 25% de experiência por ter a habilidade no nível 5

Recompensas
+ 90 pontos de experiência em Sedução
avatar
Imagem :
Mensagens : 306
Nome do jogador : Vic
Dragões de ouro : 00
Veados de prata : 00
Estrelas de cobre : 00
Idade : 00
Salário extra : 0%
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada | 18+] Run from Lust

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum










O Win or Die foi inaugurado a 09.09.2015. O RPG passa-se no mundo de As Crónicas de Fogo e Gelo, criadas por George R. R. Martin, mais de 50 anos depois dos acontecimentos dos livros. A trama inicial foi criada pela Staff, mas agradecemos a todos os nossos jogadores pela sua ajuda na evolução da mesma.
A nossa skin foi inteiramente criada por Ross (Many-Faced God), incluindo os templates de post e da página inicial, para uso exclusivo no Win or Die RPG, com o apoio da Soph (The Maiden) e do Tiago (Baelor Targaryen). O slider do nosso mural foi criado por CSS Slider. As imagens usadas foram tiradas do Google e editadas por Ross. Agradecemos ainda ao FM Codes e Best Skins pelos seus tutoriais de Javascript. Plágio é crime.

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::