We're at war nowA Song of Ice and Fire RPG
The game has begun. Will you win, or will you die?
Últimos assuntos
» Ausências
por The Maiden Sab Abr 29, 2017 3:25 pm

» [RP fechada] Mind Games
por Syndor Qua Mar 22, 2017 10:35 pm

» Pedido de atualização
por Francesca Sweet Sab Mar 18, 2017 8:23 pm

» [RP Fechada | 18+] Tell Me
por Dennis Braund Sab Mar 18, 2017 1:56 am

» [Quest Narrada] A Seita Branca
por Nanien Mormont Qui Mar 16, 2017 11:04 pm

» Avaliação de treinos
por Meena Ter Mar 14, 2017 12:52 pm

» [ Quest Narrada ] - Saquear!
por Dorian Mormont Seg Mar 13, 2017 7:44 pm

» [RP Fechada] Something Else?
por Dorian Mormont Seg Mar 13, 2017 7:32 pm

» Check-in [Fevereiro]
por Hyperion Targaryen Dom Mar 12, 2017 2:55 pm

» [RP FECHADA] Distant past
por Ella Baratheon Sab Mar 11, 2017 1:35 pm

» [RP FECHADA] The deer on ice
por Ella Baratheon Sab Mar 11, 2017 1:25 pm

» [RP Fechada | Flashback] Recovery drink
por Many-Faced God Qui Mar 09, 2017 11:49 am

» [RP Aberta][Flashback] Kung Fu Panda
por Many-Faced God Qui Mar 09, 2017 11:34 am

» [RP FECHADA] Beyond the view
por Many-Faced God Qui Mar 09, 2017 11:22 am

» [Quest Narrada] Human hunting
por Theon Snow Qua Mar 08, 2017 4:22 pm

» Solicitação de Grupos
por Davos Icewood Ter Mar 07, 2017 10:15 pm

» [RP fechada] What do you see?
por Dorian Mormont Seg Mar 06, 2017 11:14 pm

» [Quest Narrada] Hot room
por Narrador Seg Mar 06, 2017 10:52 pm

» [Quest Narrada] Do not succumb
por The Maiden Made of Light Seg Mar 06, 2017 8:55 pm

» [RP Fechada]Flashback - The Bastard Child in the Snow. Pt.2
por Theon Snow Seg Mar 06, 2017 4:23 pm

» [RP Fechada] Crazy Kids
por Elyria Arryn Seg Mar 06, 2017 2:55 am

» [RP FECHADA] Confidence
por Elyria Arryn Seg Mar 06, 2017 1:15 am

» Quest Narrada - O Lugar de um Lorde
por Dorian Mormont Dom Mar 05, 2017 9:11 pm

» [RP fechada] Looking for a Fight
por Nälla Dom Mar 05, 2017 12:19 pm

» [RP Fechada | 18+] Facing the Lioness
por Dennis Braund Sab Mar 04, 2017 5:15 pm

» [RP FECHADA] Primeiros passos
por Arthor Stark Sex Mar 03, 2017 5:01 pm

» [RP fechada +18] Wicked Game
por Dennis Braund Sex Mar 03, 2017 4:33 pm

» [Quest Narrada] Dia da Caça, Dia do Caçador
por R'hllor Sex Mar 03, 2017 3:11 pm

» [Aviso] Pedidos no WOD-Resources
por Narrador Qua Mar 01, 2017 7:35 am

» Pedidos de quest
por R'hllor Ter Fev 28, 2017 11:54 pm

» [RP FECHADA +18] - Into the Lion's Den
por Susanne Glover Ter Fev 28, 2017 5:23 pm

» [RP FECHADA - 18+] Coming back? Are you sure?
por Erin Lannister Ter Fev 28, 2017 5:03 pm

» [RP Aberta] Hunting The Chicken
por Roth Whiteforest Seg Fev 27, 2017 2:25 pm

» [RP Fechada, flashback] You only live once
por Cory Silversun Seg Fev 27, 2017 1:37 am

» [RP fechada | Flashback] Old man, poor man
por Masamune Tsubakein Dom Fev 26, 2017 10:39 am

» [RP FECHADA] I Put a Spell on You
por Quinn Elijah Flowers Dom Fev 26, 2017 6:02 am

» [RP FECHADA] Flashback — running through the fire
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 5:12 pm

» [RP Fechada] Mirror of the Destiny, can you show me...? ~ Flashback
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 4:51 pm

» Premiações [Fevereiro]
por Anole Tallhart Sab Fev 25, 2017 4:16 pm

» [RP Fechada]Flashback - The Bastard Child in the Snow. Pt.1
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 12:20 pm

» [RP ABERTA] Mademoiselle Marchand
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 12:12 pm

» [RP FECHADA] O dever de um Lord #1
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 12:08 pm

» [RP FECHADA] Recomeço
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 11:56 am

» [RP FECHADA - FLASHBACK] forget it
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 11:49 am

» Atualizações Específicas
por Roth Whiteforest Sab Fev 25, 2017 10:57 am

» [RP Fechada] Bring Me Virgins
por Dennis Braund Sab Fev 25, 2017 2:45 am

» [TREINO] Black Warrior
por Alice Targaryen Sex Fev 24, 2017 4:59 pm

» [RP ABERTA] Dance Of The Druids
por Many-Faced God Sex Fev 24, 2017 2:02 pm

» [FP] Hew Tyrell
por Many-Faced God Sex Fev 24, 2017 12:41 pm

» Solicitação de Conquistas
por R'hllor Qui Fev 23, 2017 11:42 pm

» [RP Fechada] The precise attack
por James Lannister Qui Fev 23, 2017 11:03 pm

» [FP] Desmond Targaryen
por Desmond Targaryen I Qua Fev 22, 2017 5:21 pm

» Quest Narrada - Uma transa de matar
por Narrador Qua Fev 22, 2017 1:36 pm

» RP FECHADA - Win or Die
por Drywn Graceford Ter Fev 21, 2017 1:01 am

» [RP Fechada/Flashback] Do not go, my dear
por Alannys Ashford Seg Fev 20, 2017 11:24 pm

» [RP Fechada] The witch and the prostitute
por Layna de Braavos Seg Fev 20, 2017 10:35 pm

» Quest narrada - Uma nova tarefa
por Alaric Umber Seg Fev 20, 2017 10:25 pm

» Quest narrada - O dia de amanhã
por Layna de Braavos Seg Fev 20, 2017 9:42 pm

» Quest Narrada - Onde se separa a menina da mulher
por Dorian Mormont Seg Fev 20, 2017 5:13 pm

» Quest Narrada - Sérios problemas
por Dorian Mormont Seg Fev 20, 2017 5:09 pm

» Moderação de tópicos
por Allenhardt Pyke Seg Fev 20, 2017 2:46 pm

» [RP fechada - Flashback] - The water hears and understands
por Allenhardt Pyke Seg Fev 20, 2017 2:44 pm

» RP Fechada - Mercy
por The Old Gods Seg Fev 20, 2017 2:24 pm

» [RP FECHADA] Reading until dawn
por The Old Gods Seg Fev 20, 2017 1:22 pm

» [Dungeon] Frozen Treasure - Inscrições
por Dorian Mormont Seg Fev 20, 2017 12:01 am

» [RP FECHADA] Um novo homem [+18]
por Elizabeth Tyrell Dom Fev 19, 2017 11:09 pm

» [RP FECHADA] PREFÁCIO — Disturbing nights
por Dorian Mormont Dom Fev 19, 2017 10:40 pm

» [RP Fechada] A Beautiful Day to Walk
por James Lannister Dom Fev 19, 2017 5:20 pm

» [Quest One Post] Careful, child
por The Maiden Made of Light Sab Fev 18, 2017 11:02 pm

» RP fechada - Aquecimento de inverno
por The Old Gods Sab Fev 18, 2017 5:32 pm

» [RP Fechada] Moment Between Sisters
por Leana Targaryen Sab Fev 18, 2017 1:23 pm

» [RP FECHADA] THE BEAST INSIDE
por The Black Goat of Qohor Sab Fev 18, 2017 1:01 pm

» [RP Fechada] As Sombras Erguem-se
por Narrador Sex Fev 17, 2017 7:54 pm

» [RP Fechada - Flashback] Try Again
por The Old Gods Sex Fev 17, 2017 6:58 pm

» [RP Fechada/flashback] The golden age
por The Old Gods Sex Fev 17, 2017 6:46 pm

» [RP Fechada - Flashback] Only policy
por The Old Gods Sex Fev 17, 2017 6:22 pm

» [FP] Ambrose, Garth.
por The Maiden Made of Light Sex Fev 17, 2017 3:32 am

» [RP Fechada] House of Memories
por Elyria Arryn Sex Fev 17, 2017 1:27 am

» [Dados] As Sombras Erguem-se
por Narrador Sex Fev 17, 2017 12:35 am

» [RP Fechada] Red lips always lie
por Layna de Braavos Qui Fev 16, 2017 9:53 pm

» [RP Fechada] Ascensão
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 7:36 pm

» [RP Fechada] Jobbery.
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 6:45 pm

» [RP Fechada] Fallin Apart
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 6:41 pm

» [RP Fechada] Bastard... and Mastermind.
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 5:44 pm

» [FP] Lancelyn Wyl (EM CONSTRUÇÂO)
por Lancelyn Qui Fev 16, 2017 5:24 pm

» [RP FECHADA] Snowed woods
por Alaric Umber Qua Fev 15, 2017 11:07 pm

» [Quest Narrada] Murder
por Narrador Qua Fev 15, 2017 10:44 pm

» [RP FECHADA +18] Lose It
por Terry Ashford Qua Fev 15, 2017 10:31 pm

» [RP Flash. +18] — She knows what I think about
por Many-Faced God Qua Fev 15, 2017 8:29 pm

» [Rp Fechada] Oloko
por Eustass Kid Qua Fev 15, 2017 8:17 pm

» [RP Aberta] A Agonia dos Corvos
por Many-Faced God Qua Fev 15, 2017 7:57 pm

» [RP Fechada] Lift Now
por Memphis Greyjoy Qua Fev 15, 2017 4:22 pm

» [RP FECHADA] Girls and knives, good brides
por Drowned God Qua Fev 15, 2017 4:02 pm

» [RP FECHADA] O Conselheiro da Fortaleza De Águas Claras.
por Drowned God Qua Fev 15, 2017 3:49 pm

» Promoção: Convide seus amigos
por James Lannister Qua Fev 15, 2017 11:40 am

» [Quest Narrada] The father's bones
por The Maiden Made of Light Qua Fev 15, 2017 7:12 am

» Quest narrada - Bravo?
por Lorien Hill Qua Fev 15, 2017 6:56 am

» Quest Narrada - Sussurros
por Dorian Mormont Ter Fev 14, 2017 9:23 pm

» [Quest Narrada] O satã
por Dorian Mormont Ter Fev 14, 2017 9:15 pm

" />

[RP Fechada] The Sun Rises in King's Landing

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

The Sun Rises in King's Landing
A RP conta apenas com a participação de Nymeria Martell, Lewyn Nymeros Martell, Baelor Targaryen e Leana Targaryen.
A narração se passa numa manhã de sol e calor, um barco com o símbolo da casa Martell se aproxima do porto, tazendo consigo a princesa Nymeria.



Strike A Pose, And Make Me Your Only Queen.

avatar
Imagem : maybe it is a cruel joke on me, whatever, just mean there is way more cake for me, whatever.
Mensagens : 53
Nome do jogador : Lays
Dragões de ouro : 00
Veados de prata : 00
Estrelas de cobre : 00
Salário extra : 0%
Ver perfil do usuário
Princesa Roinar

Voltar ao Topo Ir em baixo

The Sun of Dorne
Unbowed, Unbent, Unbroken

O calor se havia tornado cada vez mais suportável à medida que o navio se afastava da costa de Dorne. A viagem não fora longa, pelo menos Nymeria esperava outra coisa. Foi com alegria que a princesa recebeu a notícia de que faltavam apenas poucas horas para a chegada a Porto Real. Finalmente iria ver seu irmão Lewyn e conhecer sua futura cunhada. Há já muito tempo, os Martell se uniram com os Targaryen e, infelizmente, o casamento terminou num desastre por culpa de Lyanna Stark. Mas Nymeria conhecia Lewyn o suficiente para saber que ele só teria olhos para a sua mulher.
A jovem se olhou no espelho e penteou os longos cabelos escuros com os dedos. Sobre a cama estava o vestido que usaria na sua chegada. Era amarelo, refletia a cor e alegria de sua região. As mulheres de Dorne se destacavam não só pela sua beleza e audácia, mas também pela ousadia. Assim, a princesa deixou que a peça de tecido suave e esvoaçante descesse pelo seu corpo, cobrindo até a ponta de seus pés.
Se perguntava se Lewyn estaria presente na sua chegada, afinal ela não tinha avisado ninguém sobre sua visita. Esperava que não vissem isso como uma falta de respeito...
Subitamente, alguém bateu na porta de madeira, pedindo licença para entrar.
- Sim? - indagou a dornesa.
A porta foi aberta e um homem de pele bronzeada, longos cabelos negros e barba condizente, espreitou para dentro do local.
- Princesa, chegámos a Porto Real. - informou, abrindo mais a porta para que a mulher passasse.
De imediato um sorriso surgiu nos lábios rosados de Nym, que se apressou a subir as escadas até o convés. O sol era mais forte do que imaginava e por isso precisou proteger os olhos com o braço, o ar era pesado e possuía um cheiro de mar misturado com lixo. Porto Real tinha fama de não ser uma cidade limpa e Nymeria conseguia entender isso graças ao seu olfato apurado. Porém o mar era tão azul como em Dorne e a paisagem era, sem dúvida, bela.
Através da multidão que se juntara no porto para ver quem se aproximava no navio, esperava conseguir encontrar o rosto familiar que tanto procurava. Se aproximou da borda no navio e apoiou as mãos sobre a madeira que impedia de cair na água. Queria ver Lewyn, abraçá-lo como não fazia há algum tempo.

Princess Nymeria of House Martell



Strike A Pose, And Make Me Your Only Queen.

avatar
Imagem : maybe it is a cruel joke on me, whatever, just mean there is way more cake for me, whatever.
Mensagens : 53
Nome do jogador : Lays
Dragões de ouro : 00
Veados de prata : 00
Estrelas de cobre : 00
Salário extra : 0%
Ver perfil do usuário
Princesa Roinar

Voltar ao Topo Ir em baixo


O dia tinha chegado mais cedo para Lewyn, que recebera uma notícia da aproximação de um navio com o simbolo da casa Martell. Embora não soubesse os motivos que trouxeram aquele navio ali e nem quem estava abordo deste, Lewyn arrumou-se formalmente, colocando vestes tradição da casa Martell, que ostentavam o emblema da sua casa, cuja forma era de lança penetrando o sol. Contudo, tratou de deixar seu sorriso elegante ao rosto, para agraciar a todos que o vissem no decorrer do seu trajeto pela cidade. Assim que terminou de arrumar-se, o Príncipe prolongou seus passos, saindo do seu quarto na fortaleza vermelha e indo até os corredores, que não estavam muitos cheios naquela ala.  

Seguiu caminho andando por diversos locais, que outrora desconhecia, fazendo-o lembrar de sua pequena guia por Porto Real, a Princesa, que tinha tornado-se bastante intima do Príncipe de Dorne. Leana era uma garota curiosa, cuja aparência enfeitiçou o Martell, aquela garota tinha o próprio charme meigo e inocente, uma das características que atraiu o Príncipe. Lewyn, curiosamente, chegou até um determinado local, a sala de refeições pois, iria comer antes de apresentar-se formalmente ao navio compatriota, era uma grande sala, diversas decorações espalhadas junto ao estandarte do dragão vermelho, em um fundo negro. Olhou aos arredores do local, localizando alguns membros da família real, sendo estes: Baelor e Leana Targaryen. Os Príncipes conversavam entre si e pareciam divertissem juntos, lembrando da última vez que Lewyn tinha tido um encontro tão amigável com o resto de seus irmãos, que sempre estavam ocupados com tarefas impostas pelo Príncipe Governante. Ora, não deixou-se abater pelos afetos que perdera ao longo da vida, tratou de caminhar até Baelor e Leana, chegando junto a eles.  

- Príncipe Baelor, Princesa Leana, estão agradáveis essa manhã. Peço desculpas ao meu interrompimento, recebi a notícia que um navio Martell aproxima-se do Porto, gostaria que vocês pudessem me acompanhar, não conheço essa cidade como vocês... será que poderiam me acompanhar?


Deixou um sorriso indiscreto escapar até Leana, ele já estava acostumado a admirar sua beleza, mas não deixaria apenas que ficasse por isso, ele jogaria todo o charme que fosse possível para selar ainda mais o pacto, uma situação que divertiria a suas irmãs, adoravam darem palpites sobre essas coisas. Aproximou-se próximo a Princesa e ofereceu-lhe a mão. Princesa... poderia conduzir a minha pessoa pelo caminho? Deu uma rápida olhada a Baelor para observar a reação de seu futuro cunhado. Lewyn nunca mudara nesse tipo de comportamento, o povo Dornês sempre fora atrevido, mas com um leve grau de respeito.


Quando tivessem saído da fortaleza vermelha, iriam caminhar até o porto, que, assim que chegasse ao local, iriam esperar o navio atracar, revelando um rosto conhecido, o rosto de sua irmã, a Nymeria. Nymeria era uma pessoa um tanto atrevida, sempre orgulhosa de sua linhagem, assim como Lewyn, adorava provocar as pessoas a sua volta. Lewyn olharia a sua irmã, onde aproximaria dela e abraçaria. - Bem vinda a Porto Real, Nymeria! Não faria ideia porque estaria ali, mas alguma coisa lhe dizia que não parece ter a vontade de seus pais... se não teria recebido uma mensagem de aviso antes.


avatar
Imagem :
Mensagens : 45
Nome do jogador : Arthur
Dragões de ouro : 20
Veados de prata : 56
Idade : 16
Salário extra : 4%
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo



Call 'em butterflies

O sol brilhava no manto de um azul infinito que era o céu de Porto Real, os seus ténues raios de energia transmitindo algum calor para a pele da Princesa, que sorria satisfeita com a sensação agradável que os mesmos lhe proporcionavam. Como nas restantes manhãs, Leana despertara mais cedo que os demais habitantes do castelo, não se delongando em momentos de preguiça antes de se arranjar e seguir para o salão de refeições da Fortaleza Vermelha. Naquela manhã, a jovem pedira às servas que penteassem os longos fios de um loiro platinado que patenteavam as suas origens valirianas até estes brilharem como metal fundido e que, posteriormente, entrançassem uma tiara com os cabelos, decorando-a com pequenas flores selvagens, vermelhas como o fogo e sangue. Escolhera um vestido relativamente simples, branco e de uma beleza etérea, quase angelical, adornado com fio de prata que formava belos e delicados bordados de flores no corpete. Ao olhar para o vestido não conseguiu evitar ver a imagem da mãe, o leve sorriso pendente nos lábios que se encontravam quase sempre enquadrados numa expressão dura. Por mais que tentasse ignorar a realidade do seu dia-a-dia, sabia perfeitamente que por cada vez que Leana observava o sol que se erguia e deitava sobre o horizonte livremente, Megga apenas poderia observar a mesma imagem através de uma pequena janela gradeada; isto de houvesse, de facto, uma janela na sua cela. O seu coração apertava todos os dias, exigindo que a Princesa escapasse da vigia constante de guardas e aias e fosse de encontro à mãe, todavia sabia que não se poderia dar ao desplante de cometer tal ato, muito menos enfurecer o pai cujo estado mental já não podia ser considerado são.

Sorriu abertamente ao encontrar o rosto familiar do seu irmão mais velho assim que chegou ao salão de refeições, juntando-se a fim de lhe fazer companhia durante o desjejum. Nos últimos tempos, Leana e Baelor tinham passado de distantes para mais próximos do que a jovem alguma vez julgara ser possível, convivendo entre si e com os restantes irmãos e passando várias tardes e noites juntos em aventuras e desventuras. Claro que muitas dessas peripécias não eram dignas de um Príncipe Herdeiro e de uma Princesa, que deveria passar os seus dias a tecer e cantar com as restantes damas do castelo, mas era em meio a esses momentos e aos momentos que a jovem passava com o Príncipe Lewyn que a Targaryen se divertia. Na noite anterior, quando todos na Fortaleza menos os guardas dormiam, os dois irmãos  esgueiraram-se dos seus aposentos, explorando algumas passagens secretas existentes no castelo que, até então, a loira desconhecia. E foi a lembrança dessa noite - e do facto que quase tinham sido apanhados por um guarda, que apenas não os apanhara em flagrante por estar demasiado confortado pelo vinho que bebera ao jantar - que trouxe um pequeno sorriso aos lábios da jovem, justo no momento que Lewyn adentrava no salão.

Perante a visão do seu prometido, Leana não conseguiu evitar que um sorriso jovial e radiante iluminasse o rosto de feições delicadas. O dornês cumprimentou-os, anunciando de imediato que um navio com o brasão Martell se aproximava de Porto Real, e emitindo um misto de convite e pedido, para que os Príncipes o acompanhassem no caminho até ao porto. A loira assentiu alegremente, feliz por saber que, muito provavelmente, algum familiar de Lewyn viera até à cidade, e curiosa para saber quem seria o convidado inesperado.

- Príncipe Lewyn, bom dia. Fico tão contente por ter conhecimento de tais notícias! - Respondeu prontamente, sentindo as faces rosadas ganharem um novo tom acobreado perante as ações indiscretas do mesmo, na presença de Baelor. Contudo, sabia que era mesmo esse o jeito dornês, galante e vistoso. Voltou-se para o irmão, a expressão esperançosa no rosto - Vens, irmão? Afinal, quem quer que seja o familiar do Lewyn a chegar à nossa cidade, devia ser recebido pelo primogénito do Rei, na ausência do mesmo.

Por mais que Baelor estivesse hesitante, e até mesmo um pouco contrariado, a mais nova não estava para aceitar uma negação como resposta. Assim, acabou por convencer o mais velho que, ao terminar a sua refeição, acompanhou-os até ao porto. A embarcação da Casa Martell já atracara e parecia que, apenas aquele momento, os seus passageiros desembarcavam. Ainda na expectativa para saber quem viera até eles, Leana permaneceu ao lado do irmão, deixando que Lewyn tomasse a vanguarda nas cortesias relacionadas à receção.

Those are the heirs of the falling empire






avatar
Imagem :
Mensagens : 172
Nome do jogador : Soph
Dragões de ouro : 554
Veados de prata : 45
Estrelas de cobre : 00
Salário extra : 4%
Ver perfil do usuário
Conselheira

Voltar ao Topo Ir em baixo

BLOOD
of the dragon

O sol entrava pela janela do quarto de Baelor, fazendo com que tudo brilhasse e voltasse a ganhar a cor que havia sido roubada durante a noite. As cores dos Targaryen reinavam naquele quarto, desde a roupa de cama usada até aos pequenos detalhes no mobiliário – até as madeiras eram tratadas especialmente e, em cada uma, se se olhasse cuidadosamente, era possível ver um pequeno dragão de três cabeças estampado.
Era ainda muito cedo mas a luz imanada pelo sol era tão forte que Baelor não conseguia evitar acordar. Murmurava palavras indecifráveis, movimentando-se de um lado para o outro da cama à procura de um lugar mais confortável, longe da luz. As janelas não haviam sido fechadas na noite anterior e, por isso, a claridade entrava em todo o sítio.
- Mãe! – Baelor levantou-se imediatamente, o seu coração batia a um estado anormal; fechou os olhos, tentando-se acalmar. Controla-te, rapaz, alguém pode entrar no teu quarto, dizia uma voz na parte de trás da sua mente. Levou ambas as mãos à cabeça, passando os dedos entre os finos cabelos prateados. Megga estava presa e Baelor ainda não a havia visitado. Por muito que quisesse, os guardas nunca o deixavam passar até às masmorras – e ir às masmorras num havia sido um problema, visto que o seu pai o mandava ir ver os prisioneiros ocasionalmente antes de tudo isto com a sua mãe. No entanto, na noite passada, Baelor e Leana – que tinha surpreendido Baelor pela positiva, mostrando-lhe que a família era certamente mais importante que os amigos com quem passava os dias, estes sempre à procura de recompensas por passarem aquele tempo com ele – havia explorado umas passagens secretas que Baelor tinha encontrado fazia já dois anos. Conversaram sobre tudo naquela noite mas sobretudo sobre Megga e em quem cada um podia confiar. Baelor não podia confiar em ninguém no seu círculo de amigos, a sua mãe já lhe tinha dito isso. Quase todos te trairão um dia, faz parte do jogo, dizia ela. Será que teria sido alguém no grupo de pessoas em quem Megga confiava que a havia traído?! Sinceramente, Baelor esperava que sim. Megga tinha que estar a contar a verdade. Ela não podia ter feito tal coisa. Calúnias.
De repente, ouviu alguém bater à porta de madeira escura do seu quarto.
- Quem é? – Tentou recompor-se mas não havia muito que pudesse fazer.
- Bom dia, meu príncipe, ouvi algum barulho e vim ver se já estava acordado para o seu banho. – Uma bonita jovem de cabelos loiros sorria nervosamente, enquanto entrava, trazendo um pequeno cesto de madeira.
- Sim, claro. – Baelor saiu da cama, despiu-se e permitiu que serva à sua frente lhe tocasse e o lavasse. Talvez noutra altura a levasse primeiro para a cama, talvez fizessem ali mais um bastardo; mas naquele momento, com tudo na sua cabeça, nada lhe parecia mais infantil.
Quando a moça acabou de o lavar, Baelor levantou-se e esperou que esta o secasse com os panos que havia trazido no cesto. Assim que estava pronto, esta abandonou o quarto cabisbaixa. Aproximou-se do armário, abriu as enormes portas e olhou em volta, decidindo o que devia usar. Vestiu-se rapidamente com um gibão preto com fios de ouro, desenhados para parecerem dragões a voarem no céu. Usava umas calças escuras de lã, roupa interior de linho branco e uns sapatos também escuros. Baelor decidiu que naquele dia vestiria as cores de luto - pela sua mãe.
Abriu a porta do seu quarto e abandonou-o, em direção ao salão de refeições de modo a quebrar o jejum. Nos corredores, Baelor só se cruzara com algumas pessoas, cumprimentando-as – desde que não fossem servos, como lhe havia sido ensinado. Olhava para o exterior, apreciando o calor naquele dia em Porto Real, até que chegou ao salão. Ainda poucas pessoas lá estavam, por ser tão cedo. Dirigiu-se à mesa da família real, ocupou o seu lugar normal, à direita do local onde o seu pai se sentava, e esperou que lhe fossem trazidas as iguarias daquele dia. Pouco tempo havia passado quando Leana chegou.
- Bom dia, irmã! – Esperou até engolir o que mastigava naquele momento e depois retribuiu o sorriso a Leana. A relação entre os dois irmãos mudou drasticamente naquele dia da condenação da sua mãe e isso mostrara-se na noite anterior. As passagens onde andavam eram escuras, húmidas e tão aterradoras que assustariam um homem adulto. No entanto, quando Baelor estava com Leana, este tinha que ser forte, tinha que a proteger e, com a adrenalina no seu total potencial, as situações que o fariam tremer tornavam-se em momentos de comédia. Baelor quase perdeu toda a sua compostura quando um rato passou nas passagens e Leana deu um grito tão agudo que mais alguns animais saíram dos seus esconderijos. Apesar de Baelor ter considerado aquela situação engraçada, Leana não aparentava o mesmo.
Enquanto pensava, Lewyn Martell havia-se aproximado, cumprimentando-os – mais formalmente a Baelor do que a Leana.
- Príncipe Lewyn, bom dia! – Assentiu com a cabeça respeitosamente. Lewyn ainda não tinha a sua confiança. Ninguém tinha, na verdade. O comportamento de Lewyn para com Leana era tão estranho que Baelor decidiu ignorar – a sua irmã corou na mesma, apesar disso. Costumes Dorneses. Apesar de tudo, ficara surpreendido com a mensagem que lhe havia sido dada. Um navio de Dorne em Porto Real? Apesar de ter ficado intrigado, não parecia com grande disposição para se dirigir até ao porto e ver o conteúdo de tal navio.
- Leana, sabes que eu tenho coisas a fazer ainda! O Meistre queria falar comigo hoje, segundo me lembro. – Revirou os olhos e continuou a saborear a sua refeição. Estava diferente, Baelor não conseguia decidir se era melhor ou pior que o normal. Durante a sua reflexão sobre a comida, Leana argumentava que Baelor devia ir, que quem for que chegasse deveria ser recebido por ele – na ausência do rei- e não iria sair dali com um Não como resposta. – Pronto, eu vou! Mas deixa-me acabar de comer.
Olhou para o prato e reparou que pouco lhe faltava para comer, infelizmente. Queria atrasar a ida ao porto o máximo que pudesse. E se é algum ataque?, começava a teorizar. Não confiava suficientemente nos Martell para acreditar completamente que se trataria de algo normal. Baelor tinha a certeza que algo se passava ali. Normalmente, quando uma casa vem visitar Porto Real, Baelor é avisado no dia anterior para ir dormir mais cedo e acordar mais cedo do que o normal, de modo a receber os seus convidados no seu pleno estado de espirito – apesar de isso nunca acontecer.
- Vamos? – Disse para o Príncipe Roinar e para a Princesa assim que acabou de desjejuar. – Não convém deixar quem, ou o que, quer que seja à nossa espera por muito mais tempo.
Sorriu para a sua irmã e assentiu cordialmente para Lewyn. Levantou-se e deslocaram-se os três em direção ao porto. Desceram um lance de escadas, viraram à esquerda, percorrendo um corredor abarrotado de pessoa. No final desse corredor, viraram de novo à esquerda, desceram mais um lance de escadas, viraram à direita, mais outro lance de escadas, percorrendo o caminho em silêncio – Baelor ia em silêncio, mas Lewyn fazia questão de dizer algumas cantadas a Leana durante a viagem; Leana apenas corava. O tempo que demoraram a chegar ao porto levou Baelor a pensar na relação de Lewyn e de Leana. Tudo o que queria era a felicidade da sua irmã, nada mais, e Lewyn parecia fazê-la feliz mas todos os casais são assim no início. Principalmente todos os casais prometidos – convêm fazer uma boa impressão até ao casamento; depois? Ninguém quer saber.
Quando finalmente chegaram ao porto, Baelor e Leana ficaram ligeiramente atrás enquanto Lewyn tratava das cortesias de receção ao navio da sua casa. Quando, finalmente, alguém saiu do barco com o símbolo dos Martell nas velas, Baelor, apesar de não ver integralmente, ficou deslumbrado. Era uma jovem. Cabelos castanhos e pele morena eram tudo o que conseguia ver, mas mesmo assim ele imaginava já as suas feições que se tornavam mais e mais reais à medida que a moça se aproximava. Será esta jovem ainda uma donzela?, pensava enquanto um sorriso ligeiramente perverso se lhe formava nos lábios. As coisas que com ela podia fazer. Selaria o pacto entre Targaryen e Martell mais rapidamente que Lewyn e Leana. Oh, se selaria. Olhou à volta e viu-se obrigado a pensar noutros assuntos já que havia ficado demasiado entusiasmado com a jovem que se aproximava mais e mais.
Seria ela Allyse ou Nymeria? Qualquer uma que fosse, Lewyn apresentá-la-ia em alguns segundos. Pôs-se sério e endireitou as costas. Tinha que impressionar. Esperou, então, que as devidas apresentações fossem feitas.




Personagens: Baelor Targaryen // Leana Targaryen // Lewyn Martell // Nymeria Martell



I am the blood of the dragon.

avatar
Imagem :
Mensagens : 39
Nome do jogador : Tiago
Dragões de ouro : 87
Veados de prata : 105
Estrelas de cobre : 1
Idade : 18
Salário extra : 4%
Ver perfil do usuário
Nobreza (masculina)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Intervenção
Um Meistre aproxima-se, para entregar uma carta à Princesa Leana.

Observações


+ Esta é uma intervenção do Narrador, devido ao envio de uma carta a Leana Targaryen. Deve responder a esta RP, fazendo um post para receber a carta e para poder prosseguir com os planos da carta, para além de poder mencionar o seu conteúdo em futuros posts.

+ É uma carta secreta, pelo que o seu conteúdo será revelado por MP.
avatar
Imagem :
Mensagens : 1599
http://winordie.forumeiros.comVer perfil do usuário
Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

The Sun of Dorne
Unbowed, Unbent, Unbroken

Finalmente os olhos de Nymeria, que lembravam duas pedras do mais escuro onyx, avistaram seu irmão. Seu cabelo estava um pouco mais longo, assim como a barba que preenchia parte do seu rosto, ainda que não estivesse tão grande assim. Ele tinha a presença de um verdadeiro Dornês, o charme e a postura de um bon vivant. Ah como Nymeria tivera saudades dele... Um pouco mais atrás dois jovens aguardavam, fazendo companhia a Lewyn. A menina tinha longos cabelos platinados e pele clara, usava um vestido branco que a fazia parecer uma verdadeira princesa das histórias que contam para as crianças. Nymeria tinha noção da sua beleza mas naquele momento se sentiu até um pouco intimidada com a presença da jovem que só poderia ser sua futura cunhada.
Por sua vez o jovem elegante do seu lado era com certeza um de seus irmãos, o mais velho, suspeitou. Ele tinha cabelos prateados tal como sua irmã e à primeira vista era mais velho do que todos ali presentes.
Sem grandes formalidades, Nym segurou o vestido e desceu do navio o mais rápido que conseguiu, correndo para os braços do irmão, o segurando no abraço mais apertado de sempre. Que bom que era ver um rosto familiar depois de todo aquele tempo no mar, ainda por cima o de Lewyn, o irmão com o qual ela não convivera durante alguns anos. Sentiu de imediato o cheiro caraterístico dos seus cabelos contra o seu nariz e inspirou, fechando os olhos para que aquele momento se prolongasse entre os dois irmãos. Nymeria estava realmente feliz.
- Que saudades! - disse segurando o rosto do jovem entre as mãos e beijando cada uma de suas faces. - Obrigada por me receber Lewyn, eu sabia que você viria.
Nymeria se afastou e segurou as mãos do irmão nas suas, deixando escapar um sorriso genuíno.
- Agora me apresente sua noiva, quero conhecê-la!
A dornesa olhou para a princesa Targaryen e sorriu para a mesma, soltando as mãos do irmão e se aproximando para se apresentar com todo o respeito.
- Princesa. - disse fazendo uma vênia. - Sou Nymeria Martell, irmã de Lewyn. É com toda a honra que me apresento diante de vós e fico contente que sejamos irmãs num futuro próximo.
Nymeria tinha o dom da palavra, sempre sabia o que falar e quando falar, suas palavras eram doces assim como suas atitudes revelavam graciosidade e educação.
Agora que observava a menina de perto percebia que ela era realmente bonita e parecia o par perfeito para Lewyn. Mantendo a regra da boa educação, Nymeria voltou suas atenções para o príncipe e, também com um sorriso, repetiu o gesto, se curvando na frente dele em sinal de respeito.
- Meu príncipe, é uma honra conhecê-lo.
Deixou escapar um sorriso mais genuíno ao perceber que ele tentava se manter sério, se mostrar uma figura de respeito, mas logo cobriu a boca com a mão, ele poderia achar que Nymeria estava sendo indelicada, nem todos pensavam como os dorneses.
- Lewyn. - chamou sem tirar os olhos do homem na sua frente durante algum tempo, fitando o irmão apenas quando este se aproximou o suficiente. - Não chegou nenhuma carta de Lançassolar pois não?
Nymeria sabia que mais cedo ou mais tarde seus pais saberiam de seu paradeiro e ela teria que regressar a casa mas até lá aproveitaria sua estadia ao máximo, não deixaria escapar uma oportunidade dessas de conhecer todos os segredos daquela cidade cosmopolita.

Princess Nymeria of House Martell



Strike A Pose, And Make Me Your Only Queen.

avatar
Imagem : maybe it is a cruel joke on me, whatever, just mean there is way more cake for me, whatever.
Mensagens : 53
Nome do jogador : Lays
Dragões de ouro : 00
Veados de prata : 00
Estrelas de cobre : 00
Salário extra : 0%
Ver perfil do usuário
Princesa Roinar

Voltar ao Topo Ir em baixo


Talvez o fator dd sua irmã estar ali fosse de seu desconhecimento, embora fosse uma total percepção o relacionamento de Nymeria com sua mãe, Princesa Aridne. O seu relacionamento com as gêmeas, mesmo com anos perdidos, ainds tinha intimidades. O seu pensamento logo recorreu a lembrar da situação na qual ajudara sua irmã em roubar as joias da mãe. Bons tempos, que restavam apenas memórias. Lewyn, por outro lado, nunca se sentiu inferior aos demais irmãos, sempre manteve seu lugar rm Lançassolar como destaque, se Gerold era o braço direito de seu pai, ele seria o esquerdo.


O navio que ela atracara ao Porto parecia ter detalhes discretos, como quase nenhuma guarnição, bem como não vira nenhum soldado carregando o Estandarte Martell... algo estava errada nesse momento. Quando finalmente notou as ações da Nymeria, viu ajoelhar-se ao Baelor, um dos príncipes Targaryen, colocando um ar de desaprovação ao rosto de Lewyn, os Martell nunca ajoelhavam, mesmo que fosse pela própria vida. Abraçou a Dornense novamente. [color#ff3426] - Adorada irmã! Deixe-me apresentar a você, a Princesa Leana, filha mais nova e seu irmão, o Herdeiro ao trono, príncipe Baelor. [/color]

Por fim, ouviu sua a garota comentar sobre carta dos pais, como se estivesse... ansiosa ou preocupada. Lewyn não era uma pessoa de alta inteligência, tinha suas pontas soltas, assim como sua persuasão para com terceiros. Ignorou aos detalhes e fez um sinal negativo para sua irmã, informando-lhe de nada sobre o tipo.
avatar
Imagem :
Mensagens : 45
Nome do jogador : Arthur
Dragões de ouro : 20
Veados de prata : 56
Idade : 16
Salário extra : 4%
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum










O Win or Die foi inaugurado a 09.09.2015. O RPG passa-se no mundo de As Crónicas de Fogo e Gelo, criadas por George R. R. Martin, mais de 50 anos depois dos acontecimentos dos livros. A trama inicial foi criada pela Staff, mas agradecemos a todos os nossos jogadores pela sua ajuda na evolução da mesma.
A nossa skin foi inteiramente criada por Ross (Many-Faced God), incluindo os templates de post e da página inicial, para uso exclusivo no Win or Die RPG, com o apoio da Soph (The Maiden) e do Tiago (Baelor Targaryen). O slider do nosso mural foi criado por CSS Slider. As imagens usadas foram tiradas do Google e editadas por Ross. Agradecemos ainda ao FM Codes e Best Skins pelos seus tutoriais de Javascript. Plágio é crime.

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::