We're at war nowA Song of Ice and Fire RPG
The game has begun. Will you win, or will you die?
Últimos assuntos
» Ausências
por The Maiden Sab Abr 29, 2017 3:25 pm

» [RP fechada] Mind Games
por Syndor Qua Mar 22, 2017 10:35 pm

» Pedido de atualização
por Francesca Sweet Sab Mar 18, 2017 8:23 pm

» [RP Fechada | 18+] Tell Me
por Dennis Braund Sab Mar 18, 2017 1:56 am

» [Quest Narrada] A Seita Branca
por Nanien Mormont Qui Mar 16, 2017 11:04 pm

» Avaliação de treinos
por Meena Ter Mar 14, 2017 12:52 pm

» [ Quest Narrada ] - Saquear!
por Dorian Mormont Seg Mar 13, 2017 7:44 pm

» [RP Fechada] Something Else?
por Dorian Mormont Seg Mar 13, 2017 7:32 pm

» Check-in [Fevereiro]
por Hyperion Targaryen Dom Mar 12, 2017 2:55 pm

» [RP FECHADA] Distant past
por Ella Baratheon Sab Mar 11, 2017 1:35 pm

» [RP FECHADA] The deer on ice
por Ella Baratheon Sab Mar 11, 2017 1:25 pm

» [RP Fechada | Flashback] Recovery drink
por Many-Faced God Qui Mar 09, 2017 11:49 am

» [RP Aberta][Flashback] Kung Fu Panda
por Many-Faced God Qui Mar 09, 2017 11:34 am

» [RP FECHADA] Beyond the view
por Many-Faced God Qui Mar 09, 2017 11:22 am

» [Quest Narrada] Human hunting
por Theon Snow Qua Mar 08, 2017 4:22 pm

» Solicitação de Grupos
por Davos Icewood Ter Mar 07, 2017 10:15 pm

» [RP fechada] What do you see?
por Dorian Mormont Seg Mar 06, 2017 11:14 pm

» [Quest Narrada] Hot room
por Narrador Seg Mar 06, 2017 10:52 pm

» [Quest Narrada] Do not succumb
por The Maiden Made of Light Seg Mar 06, 2017 8:55 pm

» [RP Fechada]Flashback - The Bastard Child in the Snow. Pt.2
por Theon Snow Seg Mar 06, 2017 4:23 pm

» [RP Fechada] Crazy Kids
por Elyria Arryn Seg Mar 06, 2017 2:55 am

» [RP FECHADA] Confidence
por Elyria Arryn Seg Mar 06, 2017 1:15 am

» Quest Narrada - O Lugar de um Lorde
por Dorian Mormont Dom Mar 05, 2017 9:11 pm

» [RP fechada] Looking for a Fight
por Nälla Dom Mar 05, 2017 12:19 pm

» [RP Fechada | 18+] Facing the Lioness
por Dennis Braund Sab Mar 04, 2017 5:15 pm

» [RP FECHADA] Primeiros passos
por Arthor Stark Sex Mar 03, 2017 5:01 pm

» [RP fechada +18] Wicked Game
por Dennis Braund Sex Mar 03, 2017 4:33 pm

» [Quest Narrada] Dia da Caça, Dia do Caçador
por R'hllor Sex Mar 03, 2017 3:11 pm

» [Aviso] Pedidos no WOD-Resources
por Narrador Qua Mar 01, 2017 7:35 am

» Pedidos de quest
por R'hllor Ter Fev 28, 2017 11:54 pm

» [RP FECHADA +18] - Into the Lion's Den
por Susanne Glover Ter Fev 28, 2017 5:23 pm

» [RP FECHADA - 18+] Coming back? Are you sure?
por Erin Lannister Ter Fev 28, 2017 5:03 pm

» [RP Aberta] Hunting The Chicken
por Roth Whiteforest Seg Fev 27, 2017 2:25 pm

» [RP Fechada, flashback] You only live once
por Cory Silversun Seg Fev 27, 2017 1:37 am

» [RP fechada | Flashback] Old man, poor man
por Masamune Tsubakein Dom Fev 26, 2017 10:39 am

» [RP FECHADA] I Put a Spell on You
por Quinn Elijah Flowers Dom Fev 26, 2017 6:02 am

» [RP FECHADA] Flashback — running through the fire
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 5:12 pm

» [RP Fechada] Mirror of the Destiny, can you show me...? ~ Flashback
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 4:51 pm

» Premiações [Fevereiro]
por Anole Tallhart Sab Fev 25, 2017 4:16 pm

» [RP Fechada]Flashback - The Bastard Child in the Snow. Pt.1
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 12:20 pm

» [RP ABERTA] Mademoiselle Marchand
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 12:12 pm

» [RP FECHADA] O dever de um Lord #1
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 12:08 pm

» [RP FECHADA] Recomeço
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 11:56 am

» [RP FECHADA - FLASHBACK] forget it
por Many-Faced God Sab Fev 25, 2017 11:49 am

» Atualizações Específicas
por Roth Whiteforest Sab Fev 25, 2017 10:57 am

» [RP Fechada] Bring Me Virgins
por Dennis Braund Sab Fev 25, 2017 2:45 am

» [TREINO] Black Warrior
por Alice Targaryen Sex Fev 24, 2017 4:59 pm

» [RP ABERTA] Dance Of The Druids
por Many-Faced God Sex Fev 24, 2017 2:02 pm

» [FP] Hew Tyrell
por Many-Faced God Sex Fev 24, 2017 12:41 pm

» Solicitação de Conquistas
por R'hllor Qui Fev 23, 2017 11:42 pm

» [RP Fechada] The precise attack
por James Lannister Qui Fev 23, 2017 11:03 pm

» [FP] Desmond Targaryen
por Desmond Targaryen I Qua Fev 22, 2017 5:21 pm

» Quest Narrada - Uma transa de matar
por Narrador Qua Fev 22, 2017 1:36 pm

» RP FECHADA - Win or Die
por Drywn Graceford Ter Fev 21, 2017 1:01 am

» [RP Fechada/Flashback] Do not go, my dear
por Alannys Ashford Seg Fev 20, 2017 11:24 pm

» [RP Fechada] The witch and the prostitute
por Layna de Braavos Seg Fev 20, 2017 10:35 pm

» Quest narrada - Uma nova tarefa
por Alaric Umber Seg Fev 20, 2017 10:25 pm

» Quest narrada - O dia de amanhã
por Layna de Braavos Seg Fev 20, 2017 9:42 pm

» Quest Narrada - Onde se separa a menina da mulher
por Dorian Mormont Seg Fev 20, 2017 5:13 pm

» Quest Narrada - Sérios problemas
por Dorian Mormont Seg Fev 20, 2017 5:09 pm

» Moderação de tópicos
por Allenhardt Pyke Seg Fev 20, 2017 2:46 pm

» [RP fechada - Flashback] - The water hears and understands
por Allenhardt Pyke Seg Fev 20, 2017 2:44 pm

» RP Fechada - Mercy
por The Old Gods Seg Fev 20, 2017 2:24 pm

» [RP FECHADA] Reading until dawn
por The Old Gods Seg Fev 20, 2017 1:22 pm

» [Dungeon] Frozen Treasure - Inscrições
por Dorian Mormont Seg Fev 20, 2017 12:01 am

» [RP FECHADA] Um novo homem [+18]
por Elizabeth Tyrell Dom Fev 19, 2017 11:09 pm

» [RP FECHADA] PREFÁCIO — Disturbing nights
por Dorian Mormont Dom Fev 19, 2017 10:40 pm

» [RP Fechada] A Beautiful Day to Walk
por James Lannister Dom Fev 19, 2017 5:20 pm

» [Quest One Post] Careful, child
por The Maiden Made of Light Sab Fev 18, 2017 11:02 pm

» RP fechada - Aquecimento de inverno
por The Old Gods Sab Fev 18, 2017 5:32 pm

» [RP Fechada] Moment Between Sisters
por Leana Targaryen Sab Fev 18, 2017 1:23 pm

» [RP FECHADA] THE BEAST INSIDE
por The Black Goat of Qohor Sab Fev 18, 2017 1:01 pm

» [RP Fechada] As Sombras Erguem-se
por Narrador Sex Fev 17, 2017 7:54 pm

» [RP Fechada - Flashback] Try Again
por The Old Gods Sex Fev 17, 2017 6:58 pm

» [RP Fechada/flashback] The golden age
por The Old Gods Sex Fev 17, 2017 6:46 pm

» [RP Fechada - Flashback] Only policy
por The Old Gods Sex Fev 17, 2017 6:22 pm

» [FP] Ambrose, Garth.
por The Maiden Made of Light Sex Fev 17, 2017 3:32 am

» [RP Fechada] House of Memories
por Elyria Arryn Sex Fev 17, 2017 1:27 am

» [Dados] As Sombras Erguem-se
por Narrador Sex Fev 17, 2017 12:35 am

» [RP Fechada] Red lips always lie
por Layna de Braavos Qui Fev 16, 2017 9:53 pm

» [RP Fechada] Ascensão
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 7:36 pm

» [RP Fechada] Jobbery.
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 6:45 pm

» [RP Fechada] Fallin Apart
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 6:41 pm

» [RP Fechada] Bastard... and Mastermind.
por The Black Goat of Qohor Qui Fev 16, 2017 5:44 pm

» [FP] Lancelyn Wyl (EM CONSTRUÇÂO)
por Lancelyn Qui Fev 16, 2017 5:24 pm

» [RP FECHADA] Snowed woods
por Alaric Umber Qua Fev 15, 2017 11:07 pm

» [Quest Narrada] Murder
por Narrador Qua Fev 15, 2017 10:44 pm

» [RP FECHADA +18] Lose It
por Terry Ashford Qua Fev 15, 2017 10:31 pm

» [RP Flash. +18] — She knows what I think about
por Many-Faced God Qua Fev 15, 2017 8:29 pm

» [Rp Fechada] Oloko
por Eustass Kid Qua Fev 15, 2017 8:17 pm

» [RP Aberta] A Agonia dos Corvos
por Many-Faced God Qua Fev 15, 2017 7:57 pm

» [RP Fechada] Lift Now
por Memphis Greyjoy Qua Fev 15, 2017 4:22 pm

» [RP FECHADA] Girls and knives, good brides
por Drowned God Qua Fev 15, 2017 4:02 pm

» [RP FECHADA] O Conselheiro da Fortaleza De Águas Claras.
por Drowned God Qua Fev 15, 2017 3:49 pm

» Promoção: Convide seus amigos
por James Lannister Qua Fev 15, 2017 11:40 am

» [Quest Narrada] The father's bones
por The Maiden Made of Light Qua Fev 15, 2017 7:12 am

» Quest narrada - Bravo?
por Lorien Hill Qua Fev 15, 2017 6:56 am

» Quest Narrada - Sussurros
por Dorian Mormont Ter Fev 14, 2017 9:23 pm

» [Quest Narrada] O satã
por Dorian Mormont Ter Fev 14, 2017 9:15 pm

" />

[RP FECHADA] The Princess and The Bastard

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

The Princess and The Bastard
A RP irá começar com o post de Endric Baratheon. Esta é uma RP FECHADA, conta apenas com a participação de Endric Baratheon e Visenya Blackfyre. Estamos em Pentos, a tarde estava na metade. Endric está frustrado, após ser banido de seu lar, ele decidiu buscar apoio do outro lado do mar estreito, não tendo certeza, mas acaso as suspeitas estivessem correta acabaria por fazer sua decisão.
avatar
Imagem :
Mensagens : 15
Nome do jogador : A considerar...
Salário extra : 0%
Ver perfil do usuário
Fora-da-lei

Voltar ao Topo Ir em baixo


The Dancing of Dragon
Dancing of Dragon
Desolação e desgraça... era tudo que havia sobrado a Endric Baratheon, a sua irmã, a rainha, exilou seu irmão mais novo com o pretexto de bruxaria, achava que livraria-se impune depois dessa, nada fez o homem, foi acusado de traição apenas por dizer a verdade nua e crua ao rei. Lembrava ainda do tumulto formado a sala do trono e as claras palavras,  ''Traidor'', assim que começaram a chamar. Nada mais importava, mesmo que seu coração ansiava em voltar a família... sabia que seria uma traição consigo mesmo se fizesse. Levou os dedos até um mapa a sua frente, levando até um desenho de uma cidade, cujo nome era Pentos. -Estamos aqui. Capitão, fale a seus homens formarem uma parede em minha volta, esse lugar é desconhecido e perigoso. O Baratheon não confiava nas pessoas daquela cidade, estava ali por um objetivo maior, Endric curvaria o seu joelho em busca de justiça para si mesmo e para outros que já foram e serão injustiçados pelo Rei Daemon, que agora Endric considerava um usurpador, ou um segundo Rei louco. Focou os olhos azulados em direção a saída do quarto e caminhou ao lado de seus vinte soldados para fora do estabelecimento, um bordel, um local imundo e cheio de pessoas falsas, exatamente onde ninguém iria procurar um nobre de alto nascimento.. ou como costumava a ser. Considerava-se banhado em justiça e sabedoria, mas permanecia humilde perante as pessoas a sua volta, as quias consideravas como iguais, mesmo que não fossem nobres. Assim, o grupo sumiu pelas ruas e passou pela multidão desconhecida, indo em direção a onde foi apontado, um local descreto onde reuniria-se com o Dragão para negociação, os Blackfyre. O exilado passou bom tempo ouvindo histórias que chegaram ao seu ouvidos em Braavos, histórias que falavam de uma família antiga que reegueu-se das chamas em busca de seus direitos.

Caminhou por um tempo indeterminado ouvindo reclamações de seu Capitão, que estava deixando claro que o único motivo de estar ali fora por causa da ordem de sua ''Rainha'', para o desgosto do Baratheon. Apesar de tudo não o culpava, estava ciente que ninguém gostaria de estar naquela situação desastrosa. - Capitão, quero que você e o resto proteja essa entrada, ninguém entra, além de mim e do meu contato.


Sumiu para dentro de uma casa velha, que nada de valor tinha, o local perfeita para o encontro. Acomodou-se em um dos assentos de madeira e esperou o seu contato chegar com a pessoa que queria falar, caso tudo ocorre-se bem, claro.








Legenda- Legenda- Legenda - Legenda- Legenda- Legenda- Natasha - Legenda


avatar
Imagem :
Mensagens : 15
Nome do jogador : A considerar...
Salário extra : 0%
Ver perfil do usuário
Fora-da-lei

Voltar ao Topo Ir em baixo

Visenya Blackfyre
Com: Endric Baratheon; Words: 1115; Local: Pentos

Quando se está lutando uma guerra, o primeiro passo a se dar é saber quem são seus amigos e seus inimigos, aqueles que pode se confiar ou não. Visenya conhecia bem essa premissa e a levava muito a sério, mas outro fato que era uma verdade absoluta, era que, a vingança era um sentimento que poderia levar qualquer um a atitudes extremas para conseguir seu objetivo. Visenya tinha conhecimento de tudo que os usurpadores haviam tomado de sua família por gerações, desde criança aquele sentimento fora alimentado dentro da Blackfyre, o desejo de vê-los se curvar diante de seus pés. Sua ambição era apenas uma, tomar o trono que era de direito de seu irmão, Maegor que deveria ser Rei. Mas a medida que seus planos e maquinações começavam a funcionar, ela descobria que não era a única que desejava ver a derrocada dos Targaryen. Enquanto a Coroa se preocupava com seus problemas fúteis, silenciosos, os inimigos dos  Targaryen se moviam por toda Essos, se unindo e aliando-se para o dia em que a tão sonhada vingança aconteceria e Visenya estaria lá quando esse dia chegasse.

Ela já estava pronta para sair, usava um lindo vestido de cor turquesa que ressaltava a cor dos seus olhos e a pele muito branca, os longos cabelos negros caiam sobre os ombros pesadamente, a exótica mecha de cabelo branca estava presa de forma a ganhar ainda mais destaque entre os fios negros. Havia escolhido um de seus homens para acompanha-la, além de seu informante. Não era um dos mais confiáveis, mas ele lhe rendia boas informações e a que ele havia trago até Visenya parecia ser muito boa para ser verdade. Mas se aquele encontro lhe rendesse algo de proveitoso, saberia ser generosa com o homem. No começo se mostrou relutante em ir a esse encontro, mas depois de algumas semanas de conversa, a morena acabou-se mostrando solicita-se a ouvir as palavras do homem que desejava vê-la. Obviamente, não era boba para ir tão desprotegida em um encontro como esse, levava uma boa espada consigo, caso fosse necessário, homens de Westeros não eram acostumados com damas de alto nascimento, usando uma arma tão bem quanto um cavaleiro.

A liteira já a esperava diante da porta principal, era uma caminhada generosa até onde se encontraria com o irmão renegado da rainha.  Visenya tinha conhecimento de que a atual rainha, não pertencia a casa Targaryen, mas sim a Casa Baratheon. Não que ela se importasse mais com a questão da pureza do sangue deles, ela mesma jamais se casaria com o próprio irmão para manter tal elo com a antiga Valíria, talvez com algum homem que conservasse ainda o sangue da antiga terra. Mas o que havia impelido a mulher participar de tal conversa, foi quando a palavra “exilado” soou em seus ouvidos como uma melodia. Se tal boato fosse verdade, poderia imaginar a raiva, o rancor que esse homem nutria dentro de si agora, jamais imaginava Maegor a traindo de uma maneira tão vil. Se usasse as palavras certas e os argumentos certos, poderia fazer da raiva dele sua força, nada melhor que alguém que estava dentro da Fortaleza Vermelha para lhe contar e informar exatamente o que se passa lá e mias do que isso, alguém que conheça seus inimigos de tão perto.

Visenya tinha algum conhecimento sobre a casa Baratheon, afinal durante a Rebelião Blackfyre, os Baratheon permaneceram leias à dinastia Targaryen, proporcionando grande parte da força comandada pelo Príncipe Baelor Quebra Lanças na decisiva Batalha do Campo do Capim Vermelho. Princesa Rhaelle Targaryen, filha de Aegon V, casou-se com um Baratheon e assim nasceu Lorde Steffon Baratheon, continuando os laços estreitos entre o dragão e o veado. Ironicamente, a rebelião que usurpou os Targaryen, no entanto, foi iniciada em nome do filho de Steffon, Lorde Robert Baratheon e seu irmão de criação, Eddard Stark. Os Baratheon e seus vassalos foram fundamentais para o conflito, junto com Casas Arryn, Stark e Tully, e, eventualmente, Casa Lannister. A morena nunca estudou a fundo as batalhas de grande importância durante a rebelião de Robert, mas tinha conhecimento que a Batalha de Solarestival e o Cerco de Ponta Tempestade foram os principais eventos nas Terras da Tempestade. Após a guerra, a casa gerou dois ramos menores: um sentado no Trono de Ferro sob o Rei Robert, e outro na Ilha de Pedra do Dragão encabeçada por Lorde Stannis. Durante a Rebelião Greyjoy contra o governo de Robert, a frota combinada dos Baratheon derrotou a Frota de Ferro, na Batalha de Ilha Bela, comandada pelo Mestre dos Navios, Stannis. Stannis depois subjugou Grande Wyk, em nome de seu irmão, supostamente comandando exércitos dos senhores da tempestade para fazê-lo. No final das contas, os Baratheons eram tão usurpadores quantos os próprios Targaryen.

Quando finalmente chegou ao lugar do encontro, seu olhar percorreu o casebre, a princesa respirou fundo, mas tentou ignorar o lugar, pelo menos estariam distantes de olhos e ouvidos curiosas que pudessem estragar a conversa.  A porta, um de aparência forte e cabelos escuros que caiam pelos ombros a esperava do lado de fora, seus olhos eram negros como a noite, trajava finas vestes e atendia pela alcunha de Illyo: — Princesa de Pentos. — O homem saudou Visenya com todas as honrarias que ela merecia, mas não recebeu da mulher mais do que um singelo sorriso. Por uma última vez observou tudo ao seu redor certificando-se de que tudo estava bem, antes de acompanha-lo ao interior do casebre. Com o olhar indicou que seu guarda a seguisse, não era tola de entrar um lugar como aquele sozinha e muito menos se estar preparada. Estava curiosa, queria saber o que o homem teria a dizer a ela, que fizera ele viajar de Bravos até Pentos apenas para encontrá-la.

Assim que entrou no lugar, notou que não havia muita diferença do exterior para o interior do lugar, seus olhos azuis percorreram todo o lugar até se encontrar com os azuis de um homem que se encontrava sentado em uma das cadeiras velhas. Illyo, se adiantou: — Lorde Baratheon, aqui está a mulher que tanto lhe falei. — Iniciou ele, mas antes que ele a apresentasse, a morena preferiu fazer isso por si só: — Visenya Blackfyre, Princesa de Pentos. — Sua voz soou com um tom sereno, mas ao mesmo tempo cheio de imponência. Seu olhar manteve-se todo o tempo ao do Baratheon, enquanto aguardava que ele se apresentasse. Os longos cabelos negros de Visenya caíam aos ombros misturando-se com a mecha branca que se destacava, ainda que não possuíssem os traços de Valíria, era fácil perceber que em suas veias corria o mais puro sangue valiriano, fosse pela mecha branca, fosse pela imponência que ela causava.

Habilidade Treinada:
Habilidade: História.



Once her lies are exposed, it will quickly decay and people will look around in fear and panic. And I will be there to pick them up. They will need me...  

avatar
Imagem :
Mensagens : 191
Nome do jogador : Vic
Dragões de ouro : 81
Veados de prata : 182
Estrelas de cobre : 00
Idade : 32
Salário extra : 23%
Ver perfil do usuário
Princesa de Pentos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECHADA] The Princess and The Bastard

Mensagem por The Crone em Dom Jul 03, 2016 11:03 am

Avaliação de treino de habilidade

Visenya Blackfyre

Estou fascinado com seu treino, nenhum erro na
ortografia e uma criatividade e tanto. Parabéns !

Critérios de avaliação
+ Conteúdo e Coerência (40/40)
+ Estrutura e Coesão (30/30)
+ Enredo e Criatividade (20/20)
+ Ortografia e Organização (10/10)

Total (100/100)


+22% de experiência pelo atributo de inteligência com 8 pontos
- 15% de experiência por ter a habilidade no nível 4

Recompensas
+ 104 pontos de experiência em história


avatar
Imagem :
Mensagens : 324
Nome do jogador : Kaique
Salário extra : 0%
Ver perfil do usuário
Deuses

Voltar ao Topo Ir em baixo


The Dancing of Dragon
Dancing of Dragon
Justiça era tudo que lhe deixava com sede, por muitos anos ele foi caçoado por todos os senhores de Westeros, seus irmãos em especial, que riam de sua cara, pelo menos era assim que achava. Era um homem de poucas palavras e objetivo, trafegou por anos pelas Cidades Livres de Myr, Braavos e Pentos, era chamado de ''Endric Baratheon, o Baratheon amaldiçoado'', assim que ficou conhecido após o ''envolvimento'' com o sacerdote vermelho de R'hllor. A arrogância! eles mal podiam esperar, Endric jurou para si mesmo que voltaria para Westeros com um grande exército ao seu comando, iria destronar aquele maldito Rei, nem que lhe custasse todos os seus dias. Por hora, o Baratheon tratou-se por aconchegar-se a ''humilde'' casa, sentando-se em uma cadeira de madeira, sem muito luxo, deixou de ter uma vida como essa desde seu banimento. Estudou os detalhes do ambiente, estava querendo verificar apenas, mas não deixou a curiosidade afetar-lhe muito. De modo que sentia uma ponta de preocupação, ele iria encontrar-se com uma Princesa e não sabia seus gostos ou manteria-se amistosa com o local. Assim, uma mulher entrou a porta, tão bela quanto as próprias Deusas... talvez a mulher mais bela que conheceu ao longo de sua vida, não permitira criar uma relação tão afundo, a beleza feminina era uma arma mortal fora de campo e Endric estava ciente de que a sua família a usaria para arranjar alianças. Manteu o pensamentos afastado de segundas intenções e olhou para a Princesa com um olhar indecifrável, falando a seguir.

- Perdoe-me por não vir antes ou mandar uma carta pessoalmente... Eles vigiam-me, Princesa. Têm os olhos postos em mim de dia e de noite, com os narizes farejando alguma baforada de traição. Vós viste-os, o arrogante Sor Markus, um membro da minha guarda, e o irmão Robert, aquele verme afetado que usa um nome de um Baratheon. Se vocês se interrogam sobre o motivo por que as minhas cartas dizem tão pouco, é porque nem sequer me atrevo a confiar nos meus homens. Jock, o capitão da minha guarda, é todo cabeça e nada de coração. Ouviste-lo na porta de entrada. Eles devem pôr de lado as antigas lealdades quando envergam as suas correntes, mas não me consigo esquecer de que Jock nasceu entre os Targaryen de Porto Real. Tenho inimigos e falsos amigos a toda a volta, Princesa. Infestam a minha presença como baratas, e à noite sinto-os rastejando por cima de mim.

Os dedos do Homem enrolaram-se num punho, e todos os seus queixos tremeram. Olhou novamente para Princesa e deixou sua fadiga mental escapar, estava cansado de conviver com cobras a sua volta, elas o seguiam para cima e para baixo, mandavam cartas escondidos para Porto Real em um relatório sobre seus movimentos, era por isso que o homem nunca foi a presença da Princesa, ele não poderia dar-se o luxo de deixar o nome Blackfyre chegar até os ouvidos dos Targaryen, mesmo que isso lhe custasse a vida... alguns poderiam questionar que por ser um homem justo ele deveria apoiar os Targaryen. Ora, os Blackfyre também era dragões, tinha o mesmo sangue do Usurpador que assentava em Porto Real, era essa família que Endric iria escolher servir pela sua vida ou o resto de seus dias.



Legenda- Legenda- Legenda - Legenda- Legenda- Legenda- Natasha - Legenda


avatar
Imagem :
Mensagens : 15
Nome do jogador : A considerar...
Salário extra : 0%
Ver perfil do usuário
Fora-da-lei

Voltar ao Topo Ir em baixo

Visenya Blackfyre
Com: Endric Baratheon; Words: 735; Local: Pentos

Visenya se sentou na singela cadeira, obviamente como um cavalheiro, Illyo moveu a cadeira para que ela se acomodasse da melhor forma possível, antes de qualquer outra coisa, ela era a Princesa de Pentos e todos aqueles que tivessem conhecimento de tal título a tratariam como a mais delicada das porcelanas. Mal sabiam ele que, ela era tão resistente quanto o aço forjado na própria Valíria. Seu olhar dirigiu-se ao informante indicando que ele se aproximasse um pouco mais: — Por enquanto, se retire. Essa é uma conversa particular entre eu e o Lorde Baratheon. E certifique-se que teremos a devida privacidade para conduzir nossa conversa. — Disse a morena dando um singelo sorriso, mas não menos intimidador. O dia estava quente como sempre, mas mesmo com a sedaria que usava, o calor parecia não incomodar, o vestido azul chamava a atenção não somente pela beleza de seu tecido, mas pelas curvas de Visenya que ficavam evidentes. Displicente ela escorregou os dedos entre os fios negros, enquanto esperava que o informante finalmente se retirasse do lugar.

Quando a porta finalmente se fechou, os olhos celestes da Blackfyre encararam os do jovem homem, em silêncio ela o observou, havia um brilho diferente em seu olhar, algo que ela não sabia ao certo dizer do que se tratava, mas a cativava a cada instante. Ela pestanejou algumas vezes e reprimiu um pouco o sorriso: — Pois bem milorde. Estou pronta para ouvi-lo. — Disse enquanto observava a fisionomia do homem. Ele possuía traços bonitos, diferentes dos que os olhos de Visenya estavam acostumados a apreciar, na verdade a princesa nunca se dava ao trabalho de observar a beleza de alguém, sempre tinha somente seu objetivo em mente, mas diante de Endric, sua mente se permitiu pairar sobre cada linha de seu rosto. Provavelmente estava deslumbrada, nunca tinha tratado com um homem de Westeros assim diretamente, muito menos com um que de certa forma estava ligado a uma das grandes casas.  

Em silêncio ela ouvia as palavras do homem a sua frente, o sorriso já havia desaparecido e agora somente o olhar inexpressivo era percebido em Visenya. Alguns sentiam-se constrangidos diante de seu silêncio, mas o homem que estava a sua frente não, na verdade ele conseguia se portar até com muita naturalidade e sem cerimônia alguma explicava a situação em que se encontrava em Essos. Algumas informações sobre ele já haviam sido levantadas antes daquele encontro, mas ouvir da boca dele lhe dava outra sensação, era como se tudo se tornasse mais verídico, mais do que isso, ousava dizer que poderia sentir a raiva, a revolta em cada palavra dita por ela, nenhum gesto ou movimento escapou de seu olhar, nem mesmo o enrolar de seus dedos ou o quando seu queixo tremeu, provavelmente ele havia trincado os dentes contendo a própria raiva. Ela podia entender o que ele sentia de certo modo, sentir-se usurpado nunca era uma sensação agradável e apenas alimentava a vontade de vingança, algo que naquele instante ela desejava no momento.

Visenya cruzou as mãos sobre a mesa e debruçou um pouco mais o seu corpo, aproximando-se do Baratheon. A princesa tinha uma forma peculiar de conversar e sabia usar suas palavras a seu favor e juntando com seu olhar único, era algo que se tornava ainda mais fácil: — Eu posso lhe oferecer uma cama, quente, macia e muito confortável se quiser. Tirar-lhe desse buraco que foi jogado por aqueles que deveriam estar ao seu lado, deveriam apoia-lo. — A morena fez uma pausa enquanto seu olhar buscou o dele com profundidade, como se quisesse ver muito mais além do homem que estava a sua frente, buscasse ver a essência do Baratheon. Seus lábios se crisparam por um breve momento e os sentia ressecados, deslizou a ponta da língua pelos lábios de forma discreta:  — Posso lhe oferecer muito mais se conquistar minha confiança. Almejo coisas que quiçá pode imaginar meu caro. Se deseja sair do meio das cobras segure a minha mão e lhe libertarei. Posso acabar com qualquer um que conspira contra você em um piscar de olhos. Todavia, terá que ser leal a mim e isso implica virar as costas para tudo que deixou em Westeros. — Um sorriso de canto surgiu nos lábios da mulher: — Na verdade tudo aquilo que foi roubado de você. — Completou com certa ironia em suas palavras. Novamente ela encostou na cadeira e aguardava paciente, a reação dele para com suas palavras.




Once her lies are exposed, it will quickly decay and people will look around in fear and panic. And I will be there to pick them up. They will need me...  

avatar
Imagem :
Mensagens : 191
Nome do jogador : Vic
Dragões de ouro : 81
Veados de prata : 182
Estrelas de cobre : 00
Idade : 32
Salário extra : 23%
Ver perfil do usuário
Princesa de Pentos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECHADA] The Princess and The Bastard

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum










O Win or Die foi inaugurado a 09.09.2015. O RPG passa-se no mundo de As Crónicas de Fogo e Gelo, criadas por George R. R. Martin, mais de 50 anos depois dos acontecimentos dos livros. A trama inicial foi criada pela Staff, mas agradecemos a todos os nossos jogadores pela sua ajuda na evolução da mesma.
A nossa skin foi inteiramente criada por Ross (Many-Faced God), incluindo os templates de post e da página inicial, para uso exclusivo no Win or Die RPG, com o apoio da Soph (The Maiden) e do Tiago (Baelor Targaryen). O slider do nosso mural foi criado por CSS Slider. As imagens usadas foram tiradas do Google e editadas por Ross. Agradecemos ainda ao FM Codes e Best Skins pelos seus tutoriais de Javascript. Plágio é crime.

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::